PUBLICIDADE
URGENTE
Saiba como doar qualquer valor para o PIX oficial do Rio Grande do Sul

Julgamento de Daniel Alves: várias versões, tatuagem íntima e mais; o que pesa contra o lateral na Justiça?

Daniel Alves começou a ser julgado nesta segunda-feira (5) após quase 13 meses de prisão

5 fev 2024 - 11h49
(atualizado às 11h56)
Compartilhar
Exibir comentários
Julgamento Daniel Alves: tatuagem íntima, mudança de versão e mais. O que deve complicar o lateral no tribunal?.
Julgamento Daniel Alves: tatuagem íntima, mudança de versão e mais. O que deve complicar o lateral no tribunal?.
Foto: Reprodução, Instagram/@danialves / Purepeople

O julgamento de Daniel Alves teve início nesta segunda-feira (5) em Barcelona, na Espanha, mais de um ano após a prisão do jogador, cuja defesa sofreu nova derrota em pedido às vésperas do começo do tribunal. A tendência é pela condenação do lateral da Seleção brasileira após três dias de júri, onde deverão ser ouvidas quase 30 testemunhas.

Daniel Alves: o que se sabe sobre o julgamento do ex-jogador Daniel Alves: o que se sabe sobre o julgamento do ex-jogador

Daniel é acusado de estuprar uma jovem de 23 anos em boate espanhola no penúltimo dia de 2022. Caso seja condenado, o brasileiro que já apresentou cinco diferentes versões para a acusação pode ficar preso de nove a 12 anos.

Além dessas constantes trocas de versões, outros cinco fatores complicam a situação do camisa 13 da Seleção, que pode apelar para o uso de um documento perdido. Saiba!

Daniel Alves já mudou quatro vezes sua versão sobre acusação de estupro

O jogador de 40 anos foi preso em 20 de janeiro de 2023 e nesse pouco mais de um ano já apresentou cinco versões diferentes, sem nunca ter admitido o abuso sexual. Em um primeiro momento, negou conhecer a jovem, que teve sua identidade exposta pela mãe do brasileiro.

Depois, contou que a vítima entrou no banheiro quando ele já estava no local. Na terceira versão, Daniel afirmou que a jovem fez sexo oral com ele sem sua permissão e, por fim, de forma consensual fizeram sexo.

Na quarta versão, usou o casamento com a modelo Joana Sanz para justificar o motivo de ter mentido nas versões anteriores. Por fim, alegou estar sob efeito de drogas.

Vítima não apresentou versões diferentes

Por outro lado...

Veja mais

Matérias relacionadas

Julgamento de Daniel Alves: Justiça espanhola contraria defesa do jogador, permite imprensa e abre exceção sobre vítima

Daniel Alves tem data de julgamento por estupro revelada; jogador deve receber R$ 17 milhões da Justiça. Entenda!

Daniel Alves é notificado pela Justiça espanhola e se aproxima da data do julgamento por agressão sexual

Jovem que acusa Daniel Alves de estupro toma medida contra mãe do jogador após ter foto vazada

Caso Daniel Alves sofre mudança que pode influenciar no resultado do julgamento. Entenda!

Purepeople
Compartilhar
Publicidade
Publicidade