PUBLICIDADE

Epic Games demite mais de 800 funcionários

Empresa passa por reestruturação financeira

29 set 2023 - 10h10
(atualizado às 10h41)
Compartilhar
Exibir comentários
Epic Games demite mais de 800 funcionários.
Epic Games demite mais de 800 funcionários.
Foto: Reprodução/Epic

A Epic Games anunciou, nesta quinta-feira (28), a demissão de cerca de 16% de sua força de trabalho, aproximadamente 830 funcionários.

Em comunicado, o presidente da Epic Games, Tim Sweeney, explica que as demissão são uma medida de corte de custos, o que também incluirá a retirada de investimentos no Bandcamp, adquirido pela empresa no ano passado, e a transformação da plataforma de publicidade SuperAwesome em uma empresa independente – a Epic Games adquiriu a SuperAwesome em 2020.

"Já faz algum tempo que gastamos muito mais dinheiro do que ganhamos, investindo na próxima evolução da Epic e no crescimento de Fortnite como um ecossistema inspirado no metaverso para criadores", revelou Sweeney no comunicado. "Há muito tempo eu estava otimista de que conseguiríamos ultrapassar esta transição sem demissões. Mas, em retrospectiva, vejo que isso não era realista".

"Dizer adeus às pessoas que ajudaram a construir a Epic é uma experiência terrível para todos. O consolo é que temos financiamento adequado para apoiar funcionários demitidos: estamos oferecendo um pacote de indenização que inclui seis meses de salário base e, nos EUA/Canadá/Brasil, seis meses de assistência médica paga pela Epic".

Uma grande reunião da Epic Games está marcada para o próximo mês para discutir os esforços e prioridades da empresa.

Fonte: Game On
Compartilhar
Publicidade
Publicidade