PUBLICIDADE

Monster Hunter: O que fazer antes de jogar Sunbreak

Expansão começa após o verdadeiro final do jogo base e exige preparação para encarar os novos desafios

30 jun 2022 - 18h03
Ver comentários
Publicidade
Sunbreak exige que o jogador tenha terminado o conteúdo de Rise
Sunbreak exige que o jogador tenha terminado o conteúdo de Rise
Foto: Capcom / Divulgação

Lançado pela Capcom para PC e Nintendo Switch, Monster Hunter Rise se tornou um sucesso e foi considerado um dos melhores RPGs de 2021. O jogo recebeu sua primeira expansão, Sunbreak, com diversas novidades e um conteúdo tão extenso quanto o jogo original.

Além de uma nova campanha, Sunbreak traz ranques mais altos, novos monstros e até mesmo companheiros controlados pela inteligência artificial. Porém, para aproveitar tudo isso é preciso avançar até um certo ponto do jogo base e, principalmente, se preparar para um considerável aumento de dificuldade.

Derrote Narwa

Narwa é o verdadeiro último chefe de Monster Hunter Rise
Narwa é o verdadeiro último chefe de Monster Hunter Rise
Foto: Monster Hunter Rise / Reprodução

A progressão de Monster Hunter Rise pode parecer um pouco confusa, uma vez que há duas linhas principais de missões: a Campanha da Vila e a Campanha da Guilda - cada uma delas é liderada por uma das gêmeas de Kamura.

A campanha da vila é mais fácil e serve como uma espécie de introdução para o verdadeiro desafio do jogo. As missões são entregues no centro de Kamura e seguem por cinco níveis até o jogador enfrentar - e derrotar - Magnamalo. No entanto, esse final não é o verdadeiro e não resolve o principal dilema do jogo.

Isso significa que terminar somente a campanha da vila não dará acesso ao conteúdo da expansão de Sunbreak. Ainda assim, é recomendável terminá-la antes de partir para a da guilda: ela deixará o jogador mais preparado tanto em questão de equipamento como em questão de experiência.

Já a campanha da guilda é o chamado Ranque Alto. Nela, os monstros são mais poderosos e possuem buffs de vida e de dano. A campanha da guilda é considerada um conteúdo mais voltado para o cooperativo, mas é possível encará-lo sozinho se estiver bem equipado e dominar todas as mecânicas do jogo. Ela vai até o nível sete, em que o chefe final, Narwa, é apresentado. 

Ao derrotá-lo, o conteúdo principal do jogo base estará finalizado e um mensageiro de Elgado chegará em Kamura, permitindo acesso a todo o conteúdo de Sunbreak. 

Como se preparar?

Elgado te aguarda, hora de se preparar!
Elgado te aguarda, hora de se preparar!
Foto: Monster Hunter Rise / Reprodução

O conteúdo de Sunbreak é ainda mais desafiador que o da campanha da guilda, graças à introdução do ranque Mestre, que deixa os monstros ainda mais desafiadores. Porém, algumas coisas podem ser feitas para garantir um início mais tranquilo.

O primeiro passo é comprar itens passivos, que aumentam o dano e a defesa do caçador, do vendedor de Kamura. Compre os dois disponíveis e, logo em seguida, os evolua na criação de itens para versões ainda mais poderosas. Depois, volte ao vendedor e compre novamente os mesmos itens: dessa forma, os quatro itens de buffs permitidos estarão no inventário. 

A seguir, complete todas as missões secundárias e de cozinha (dangos). Fazer isso abrirá mais recursos de preparação que serão extremamente úteis. Além disso, pode ser interessante forjar bons adornos, já que eles podem ser reutilizados em novas armaduras em Sunbreak, e liberar todos os acampamentos, colocando insetos gigantes em cada um, o que dará maior mobilidade durante as longas caçadas. 

Por fim, não recomendamos fazer o endgame da guilda antes de se aventurar pelo conteúdo de Sunbreak - ao acessar a expansão primeiro, o personagem ganhará equipamentos melhores do que os dos monstros mais poderosos da campanha da guilda.

Monster Hunter Rise: Sunbreak já está disponível para PC e Nintendo Switch.

Fonte: Game On
Publicidade
Publicidade