PUBLICIDADE
Logo do

Vasco

Meu time

Vasco desperdiça pênalti, passa mais um vexame e perde para o Londrina, que escapa do rebaixamento

Cruz-Maltino falhou do goleiro ao centroavante, levou três gols e terminou a Série B da forma melancólica como vêm sendo as últimas semanas. Time da casa se salvou da queda

28 nov 2021 18h39
| atualizado às 19h35
ver comentários
Publicidade

O último jogo do Vasco na Série B do Campeonato Brasileiro foi um mais do mesmo do Cruz-Maltino de toda a temporada. Diante do Londrina, Cano desperdiçou um pênalti, o time perdeu por 3 a 0 e terminou o campeonato de forma melancólica. Com o resultado, o Tubarão conseguiu se manter na segunda divisão nacional.

ARBITRAGEM CONFUSA

A primeira chance do jogo foi, na verdade, uma grande confusão da arbitragem. O impedimento não foi marcado imediatamente e Lucão pareceu cometer um pênalti. O VAR sugeriu a revisão no monitor, mas o impedimento já parecia nítido e foi confirmado. De todo modo, aos nove minutos, Gabriel Pec fez um gol, mas fora marcada mão do atacante na bola durante a jogada. Aos 15, o Londrina trocou passes e Gegê, da meia-lua, chutou com perigo, mas para fora.

DOIS GOLS DO MANDANTE

E como só o Londrina jogava, na prática... aos 17, Zeca foi no fundo, num contra-ataque rápido do time da casa e, no cruzamento, Ricardo Graça desviou para o gol. Placar aberto. Cinco minutos depois, o mesmo Zeca, em mais um contragolpe, ampliou. Só que dessa vez Lucão saiu muito mal da área e foi encoberto pelo atacante.

Vasco perdeu mais uma (Foto: Ricardo Chicarelli/ Londrina EC.)
Vasco perdeu mais uma (Foto: Ricardo Chicarelli/ Londrina EC.)
Foto: Lance!

MAIS UM

E o segundo tempo começou com três alterações no Vasco, só que mais um gol foi sofrido com menos de um minuto. Caprini se colocou em posição de cruzar da esquerda, mas a batida saiu forte, na direção do gol e Lucão não conseguiu fazer a defesa.

PÊNALTI PERDIDO

Apesar do gol sofrido, o Vasco melhorou com as alterações. Juninho teve uma boa oportunidade, mas a melhor mesmo foi aos 33 minutos, quando Cano foi para a cobrança de pênalti. Mas o chute saiu ruim e o goleiro César se consagrou. O fim de temporada do Cruz-Maltino dificilmente poderia ser mais lamentável.

FICHA TÉCNICA

LONDRINA 0 X 3 VASCO

Estádio: Estádio do Café, em Londrina (PR)

Data e hora: 28 de novembro de 2021, às 16h

Renda e público: 3.010 pagantes (3.463 presentes) / R$ 45.165,00

Árbitro: Antonio Dib Moraes de Sousa (PI)

Assistentes: Nailton Junior de Sousa Oliveira (CE) e Mauro Cezar Evangelista de Sousa (SP)

VAR: Marcio Henrique de Gois (SP)

Cartões amarelos: João Paulo, Saimon (LON), Léo Matos

Cartão vermelho: Não houve

GOLS: Zeca (17'/1ºT 1-0 e 22'/1ºT 2-0) e Caprini (1/'1ºT 3-0)

LONDRINA: César, Córdoba, Saimon, Augusto e Eltinho; João Paulo (Jean Henrique, 17'/2ºT), Jhonny Lucas (Bidía, 26'/2ºT), Gegê (Celsinho, 37'/2ºT) e Mossoró (Marcelinho, 26'/2ºT); Caprini e Zeca (Roberto, 37'/2ºT) - Técnico: Márcio Fernandes.

VASCO: Lucão, Léo Matos, Ricardo Graça, Leandro Castan e MT (João Pedro, Intervalo); Gabriel Pec (Laranjeira, 36/2ºT)', Caio Lopes (Juninho, 15'/2ºT), Bruno Gomes (Andrey Santos, Intervalo) e Sánchez (Figueiredo, Intervalo); Nenê e Cano - Técnico: Fábio Cortez.

Lance!
Publicidade
Publicidade