4 eventos ao vivo

Ramon Menezes testa positivo para coronavírus e ficará 10 dias afastado

18 set 2020
15h04
atualizado às 15h04
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Horas depois de ser derrotado pelo Botafogo na partida de ida da Copa do Brasil, na noite de quinta-feira, o Vasco sofreu outro duro golpe. O técnico Ramon Menezes testou positivo para a covid-19 e não poderá comandar a equipe por 10 dias, pelo menos. Com isso, o treinador ficará de fora da partida decisiva contra o Alvinegro, na próxima quarta-feira.

Além da decisão contra o Botafogo, em São Januário, Ramon perderá os duelos contra Coritiba e Bragantino. As partidas do Brasileirão estão programadas para os próximos dois domingos, respectivamente.

O problema do treinador se soma às questões de desgaste físico da equipe com a sequência de jogos. Após a derrota por 1 a 0 no Engenhão, Ramon não descartou a necessidade de poupar jogadores.

"O pensamento agora é de recuperar os atletas. A gente sabe da maratona, eu sinto ali do lado de fora é que a substituição tem de ser feita. Até para preservar e não perder o atleta. Foi o caso hoje do Cano e do Fellipe Bastos. O Benítez também sentiu cansaço no final do jogo, como todos", afirmou o treinador em entrevista por vídeo.

"Vamos pensar no Coritiba, na melhor formação, nos atletas que estiverem mais inteiros. Eu gosto de falar com os atletas, ouvi-los. Não gosto muito de poupar, mas vamos ver e dar atenção maior para a recuperação desses atletas", completou.

O Vasco é o quarto colocado na tabela do Brasileiro com 17 pontos. O líder é o Internacional com 20, mas com um jogo a mais que o Cruz-Maltino. Na Copa do Brasil, o Gigante da Colina precisa reverter em São Januário a desvantagem de 1 a 0 do jogo de ida para avançar às oitavas da competição.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade