0

Último treino do São Paulo antes de decisão tem Luciano em campo e papo com dirigentes

19 jan 2021
18h05
atualizado às 19h44
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

O São Paulo encerrou nesta terça-feira sua preparação para encarar o internacional, quarta, às 21h30 (de Brasília), no Morumbi, pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro. Luciano, que já havia trabalho sem limitações na última segunda, mais uma vez treinou normalmente e deve voltar à equipe titular nesta partida decisiva.

O dia de trabalho no CT da Barra Funda começou com a exibição de alguns vídeos aos jogadores para acertar alguns detalhes. Logo depois, o elenco foi a campo e, antes do início das atividades, teve uma conversa com o presidente do São Paulo, Julio Casares, além de outros membros da alta cúpula tricolor, já no gramado.

Livre da inflamação na perna esquerda que o tirou dos últimos quatro jogos do São Paulo, Luciano viu sua equipe cair drasticamente de desempenho neste período e perder toda a considerável vantagem que possuía na liderança do Campeonato Brasileiro. Agora, o artilheiro da equipe na competição, com 12 gols, terá a missão de puxar a volta por cima do time nesta final de temporada, de preferência com gols, a começar pela partida desta quarta-feira.

Juanfran, que foi poupado da atividade de segunda-feira por causa de dores no braço, foi outro jogador que treinou sem restrições e deve seguir na lateral direita da equipe. O espanhol chegou a fazer exames suspeitando de alguma fratura, mas não foi constatada qualquer lesão no local.

Para o duelo com o Internacional, o único desfalque é Arboleda. O zagueiro recebeu o terceiro cartão amarelo na partida contra o Athletico-PR, no último domingo, em Curitiba, e terá de cumprir suspensão automática. O jovem Diego Costa deverá ser seu substituto, formando a dupla de zaga com Bruno Alves.

O Tricolor irá encarar o Internacional nesta quarta-feira com oito jogadores pendurados, quatro deles titulares. Gabriel Sara, Igor Gomes, Juanfran, Reinaldo, Igor Vinícius, Léo, Pablo e Vitor Bueno somam dois cartões amarelos, e, caso sejam advertidos com mais um, terão de ficar de fora do compromisso seguinte da equipe no Brasileirão, sábado, contra o Coritiba, novamente no Morumbi.

O São Paulo é o atual líder do Campeonato Brasileiro, com 57 pontos, um a mais que o Internacional, que pode assumir a ponta da tabela em caso de vitória na capital paulista. Por enquanto, o time comandado por Fernando Diniz depende apenas de si para ser campeão, mas precisa voltar a apresentar o futebol que o fez chegar até essa posição.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade