0

São Paulo

Após cobrança, Dorival Jr. é mantido no cargo pelo São Paulo

Luciano Claudino/Código19 / Gazeta Press
22 fev 2018
15h06
atualizado às 15h19
  • separator
  • 0
  • comentários

Ao menos até o duelo com a Ferroviária, neste domingo, Dorival Júnior está mantido no cargo de técnico do São Paulo. A decisão foi tomada durante uma reunião entre a diretoria e o treinador, na tarde desta quinta-feira, antes de reapresentação do elenco, marcada para as 15h30 (de Brasília), no CT da Barra Funda.

As conversas com o treinador, na verdade, são corriqueiras após cada partida. Desta vez, contudo, as cobranças por parte dos dirigentes foram mais incisivas. Eles estão insatisfeitos com o desempenho da equipe na temporada, algo que foi confirmado pelo próprio Dorival na entrevista coletiva concedida após a derrota para o Ituano, na última quarta, no Estádio Novelli Júnior.

A direção tricolor passou que é necessária uma demonstração de evolução do time o mais rápido possível. Uma atuação aquém do esperado diante da Ferroviária, no Morumbi, pode tornar o clima no clube insustentável para a sequência do trabalho de Dorival.

O comandante, contudo, se encontra em um impasse. Ele não está conseguindo encaixar os reforços trazidos pela diretoria em seu esquema de modo satisfatório. Tanto que precisou sacar Nenê e Diego Souza no intervalo do confronto em Itu porque ambos não renderam o esperado durante o primeiro tempo.

A pressão sobre o treinador se tornou ainda maior após o revés. Já no início da madrugada, cerca de quarenta torcedores foram protestar em frente ao CT da Barra Funda. Diante do ônibus da delegação, pediram a demissão de Dorival, a contratação de Vanderlei Luxemburgo e criticaram os jogadores.

De qualquer forma, Dorival terá até domingo para fazer o time evoluir e apresentar motivos para a diretoria mantê-lo no cargo. No momento, o clube não pensa em outro técnico, o que pode mudar caso a equipe não reaja frente à Ferroviária.

Vindo de derrotas para Santos e Ituano, o Tricolor é o grande com o aproveitamento mais baixo do Campeonato Paulista. Ainda assim, lidera o Grupo B do Estadual, com dez pontos ganhos, os mesmos da Ponte Preta, que tem uma vitória a menos.

 

Veja também:

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade