0

Presidente do Santos cogita enfrentar o Grêmio no Pacaembu

10 set 2019
06h14
atualizado às 06h14
  • separator
  • 0
  • comentários

O presidente do Santos, José Carlos Peres, cogita enfrentar o Grêmio no Pacaembu, pela 20ª rodada, no início do segundo turno. A partida, a princípio, está marcada para o dia 21 (sábado), às 21h (de Brasília).

Presidente cogita Santos x Grêmio no Pacaembu (Foto: Divulgação)
Presidente cogita Santos x Grêmio no Pacaembu (Foto: Divulgação)
Foto: Gazeta Esportiva

Peres conversará com o técnico Jorge Sampaoli sobre a possibilidade. Se o jogo diante do Grêmio não for em São Paulo, a ideia é subir a serra para receber o CSA. dia 29 (domingo), pela 22ª rodada.

"Pode ser (Grêmio, no Pacaembu), mas dependemos da concordância do Sampaoli. Ideia é manter os 50% entre Santos e São Paulo", disse Peres, à Gazeta Esportiva. 

A CBF havia permitido o Pacaembu apenas para as nove primeiras rodadas do Brasileirão, mas, de acordo com o presidente Peres, o estádio está liberado até dezembro deste ano, mesmo sem a iluminação mínima exigida (800 lux) - o espaço alcança só 600 lux.

"Liberado até o fim do ano. Jogamos o ano passado inteiro no Pacaembu com essa iluminação", resumiu o presidente.

Os custos para o aluguel no Pacaembu ainda são os mesmos - 23% da renda total, nas contas da diretoria. O processo de concessão ainda não foi concluído. O Consórcio Patrimônio venceu o leilão pela administração nos próximos 35 anos, mas pediu mudanças no estatal e não confirmou o pagamento.

O Santos tem 22 jogos como mandante em 2019 - 11 na Vila Belmiro e outros 11 no Pacaembu. Marcar partidas no Morumbi é uma possibilidade discutida pelo Peixe. No geral, a média de público na temporada é de 13.179.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade