7 eventos ao vivo

Onda de saudosismo faz Globo reprisar final da Copa de 2002

Bons índices de audiência conquistados nas TVs fechadas com jogos clássicos levaram emissora a tomar essa decisão

4 abr 2020
15h16
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

 

O cardápio é variado e mostrou para as tvs fechadas que existe um público que gostaria de ter à disposição um espaço para rever grandes clássicos do futebol, corridas marcantes na Fórmula 1, jogos de tênis, basquete, vôlei e por aí vai.

Globo vai exibir no Domingo de Páscoa a final entre Brasil e Alemanha, na Copa de 2002 (Foto: AFP PHOTO)
Globo vai exibir no Domingo de Páscoa a final entre Brasil e Alemanha, na Copa de 2002 (Foto: AFP PHOTO)
Foto: LANCE!


É claro que o fato de o esporte estar paralisado ajuda a inflar os índices de audiência. Mas assim como os amantes do cinema gostam de rever grandes clássicos, o fã de esportes se delicia ao poder ver de novo um jogo de Copa do Mundo ou uma partida inesquecível do seu time do coração. Sem contar a nova geração que só conheceu ídolos como Senna ou Guga por causa dos pais ou avós.

Lembro que em 2000 a Band começou a reprisar jogos do Brasil na Copa de 70 e conquistou bons índices de audiência. O mesmo ocorre agora no Sportv onde foi possível rever o tetra, em 94, e também o baile que o Brasil levou da França na final da Copa de 98.

Nessa onda de saudosismo, ex-jogadores como Casagrande usam as redes sociais para mostrar gols antigos. Casão tirou do baú gols marcados quando atuou pelo Ascoli e pelo Torino, na Itália. No meu caso foi uma viagem no túnel do tempo, quando o Campeonato Italiano era transmitido pela Band domingo na hora do almoço, com a dupla Silvio Luiz e Sílvio Lancellotti.

Que venha o penta no Domingo de Páscoa!

Veja também:

O chef premiado que valoriza peixes considerados menos nobres
Paradinha Esportiva Paradinha Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade