PUBLICIDADE

3 motivos que deixam Pedro na reserva do Flamengo

Atacante é um dos jogadores mais regulares do time rubro-negro

3 mai 2021 11h38
ver comentários
Publicidade

A teimosia do técnico Rogério Ceni é apenas um dos motivos pelos quais Pedro não é titular do Flamengo. O atacante, autor dos três gols da vitória sobre o Volta Redonda por 3 a 0, no sábado, pela semifinal do Carioca, já mostrou inúmeras vezes que não pode ser reserva em nenhuma equipe do Brasil e, por extensão, da América do Sul.

Pedro é um dos jogadores mais importantes do futebol brasileiro; reserva no Flamengo
Pedro é um dos jogadores mais importantes do futebol brasileiro; reserva no Flamengo
Foto: Reprodução

Há também a incapacidade de Ceni em montar um desenho tático que seja capaz de ajustar a permanência de Pedro no time. Com um elenco no qual sobra qualidade técnica do meio para a frente, com vários jogadores num patamar diferenciado, a solução requer mesmo um quebra-cabeça. Mas o técnico, muito bem pago, tem de resolver isso.

Por fim, e esse argumento talvez soe como favorável ao treinador, existe mesmo o risco de Gabigol perder um pouco de seu poderio, de sua mobilidade, se o time contar com Pedro mais plantado dentro da área.

A média de gols de Pedro no Flamengo é excelente – um gol, a cada 94 minutos. São 61 jogos, apenas 30 como titular, com 30 gols. Pelos seus números no Rubro-Negro, ele obriga o adversário a dar uma nova saída de bola a cada 3,5 finalizações. É o maior artilheiro-reserva do Brasil.

 

Papo de Arena
Publicidade
Publicidade