PUBLICIDADE
Logo do

Palmeiras

Meu time

Palmeiras vence o Sport fora de casa por 1 a 0

Gustavo Scarpa foi o principal jogador do clube paulista na partida; time fez 19 pontos e está em 2º lugar no Campeonato Brasileiro

4 jul 2021 18h02
| atualizado às 18h22
ver comentários
Publicidade

Em partida válida pela nona rodada do Campeonato Brasileiro 2021, o Palmeiras venceu o Sport pelo placar de 1 a 0 na Ilha do Retiro. Com o resultado, o time paulista chegou aos 19 pontos e está em 2º lugar. Já o Sport  se manteve na 16º colocação, com seis pontos.

O começo do jogo na Ilha do Retiro foi de muita superioridade do Palmeiras, com o Sport esperando para armar um contra-ataque e deixando a bola ficar com os visitantes, que tinha muito a posse, mas não conseguia converter em chances perigosas, facilitando o trabalho do goleiro Mailson apesar do alto número de chutes na primeira etapa.

Palmeiras venceu Sport pela nona rodada do Campeonato Brasileiro
Palmeiras venceu Sport pela nona rodada do Campeonato Brasileiro
Foto: Paulo Paiva/ Agif/Gazeta Press / Gazeta Press

O Sport não chegou a incomodar a defesa palmeirense e chegou a trocar passes perto da área de ataque, entretanto sem muita movimentação para achar os homens de ataque livres para finalizarem no gol de Jailson.

Com o Palmeiras tendo a posse da bola na maior parte do tempo, faltava chegar com mais perigo ao gol do Sport e foi quando Scarpa começou a ser mais participativo no jogo que

o time paulista passou a criar as melhores chances. Primeiro com Deyverson, que acertou belo chute e exigiu difícil defesa de Mailson. Em seguida, o camisa 14 cobrou falta com perigo e deixou o Verdão mais perto de abrir o placar.

Após jogada pela lateral de Danilo, Gustavo Scarpa apareceu na área para completar o cruzamento e chutou para o fundo do gol e abrindo o placar de um jogo controlado pelo time paulista. O Sport buscou mostrar reação ainda no primeiro tempo com Júnior Tavares, que chutou cruzado com muito perigo, mas não passou disso e o Palmeiras foi para o intervalo com a vantagem mínima no placar.

Na volta do intervalo, o Sport passou a ficar mais com a bola e começou a chegar com mais frequência ao campo de ataque, enquanto que o Palmeiras esperava mais no campo de defesa para recuperar a posse e partir para cima da defesa mandante desarrumada e ampliar o placar fora de casa.

O momento de pressão do Sport foi diminuindo aos poucos, porém o jogo ia ficando mais morno com o controle da equipe mandante, mas que não conseguia incomodar mais tanto a defesa adversária. O equilíbrio na partida era evidente mas com o Sport buscar um empate pelo alto. Abel Ferreira modificou o ataque na metade da etapa final com intuito de matar o jogo.

O restante do segundo tempo seguiu a tônica da volta do intervalo e o Sport criava a maior parte das chances, principalmente com cruzamentos para os centroavantes e o time de Abel focava nos contra-ataques, ainda mais após a entrada de Rony, que é a principal arma de velocidade do time.

Nenhum dos goleiros fez grandes defesas na etapa final e apesar da pressão maior da equipe de Recife, a zaga palmeirense conseguiu evitar que as oportunidades se transformassem em finalizações perigosas.

No próximo jogo, o Sport visita o Atlético-GO pela décima rodada do Brasileirão, no dia 07/07, às 18h15. Já o Palmeiras recebe o Grêmio no Allianz Parque, também no dia 07, às 19h.

Ficha técnica

SPORT 0 x 1 PALMEIRAS

Local: Ilha do Retiro

Data-Hora: 04/07/2021 - 16h

Árbitro: Caio Max Augusto Vieira - AB/RN

Assistentes: Jean Marcio dos Santos - AB/RN e Lorival Candido das Flores - AB/RN

VAR: Daniel Nobre Bins - AB/RS, Lucio Beiersdorf Flor - AB/RS e Paulo Jorge Alves - CBF/RJ

Público/renda: Portões fechados

Cartões amarelos: Zé Welison (SPO); Marcos Rocha (PAL)

Cartões vermelhos: -

Gols: Gustavo Scarpa (38'/1ºT) (0-1)

SPORT: Mailson; Hayner, Rafael Thyere, Sabino e Júnior Tavares; Marcão e Zé Welison; Neílton (Paulinho Moccelin, 11'/2ºT), Thiago Neves e Everaldo (Tréllez, 00'/2ºT); André (Maxwell, 35'/2ºT). Técnico: Umberto Louzer.

PALMEIRAS: Jailson; Marcos Rocha, Luan, Felipe Melo e Renan; Danilo e Zé Rafael (Gabriel Menino, 32'/2ºT); Gustavo Scarpa (Danilo Barbosa, 21'/2ºT), Raphael Veiga (Rony, 21'/2T) e Breno Lopes (Willian, 21'/2ºT); Deyverson (Victor Luís, 37'/2ºT). Técnico: Abel Ferreira.

 

Lance!
Publicidade
Publicidade