4 eventos ao vivo

Palmeiras perde na Copinha, mas avança à fase de mata-mata

alviverdes perderam para o Capivariano por 1 a 0, no último minuto, mas ainda assim garantiram a primeira colocação do Grupo 13

9 jan 2019
23h31
atualizado em 10/1/2019 às 08h13
  • separator
  • 0
  • comentários

Palmeiras perdeu a chance de terminar a primeira fase da Copinha invicto. Nesta quarta-feira, na Arena Capivari, os alviverdes perderam para o Capivariano por 1 a 0, no último minuto, mas ainda assim garantiram a primeira colocação do Grupo 13 da Copa São Paulo de Futebol Júnior. O duelo foi movimentado, com as duas equipes alternando momentos de superioridade no duelo.

Na segunda fase da Copinha, o time alviverde terá um difícil duelo pela frente, já que irá encarar o Vitória, segundo colocado do Grupo 14. O Galvez, outro classificado da chave palestrina, terá pela frente a Desportiva Ferroviária, do Espírito Santo.

Jogadores do Palmeiras lamentam na partida contra o Capivariano, válida pela terceira rodada do Grupo 13 da Copa São Paulo de Futebol Júnior, na Arena Capivari, em Capivari, interior de São Paulo, nesta quarta-feira, 09. O Capivariano venceu por 1 a 0
Jogadores do Palmeiras lamentam na partida contra o Capivariano, válida pela terceira rodada do Grupo 13 da Copa São Paulo de Futebol Júnior, na Arena Capivari, em Capivari, interior de São Paulo, nesta quarta-feira, 09. O Capivariano venceu por 1 a 0
Foto: LUCIANO CLAUDINO / Estadão

O jogo

Logo aos quatro minutos de partida, o Palmeiras chegou com perigo pela primeira vez no embate. O japonês Sasaki fez boa jogada pela lateral e cruzou na medida para Wesley. O camisa 9 não desperdiçou o lançamento e cabeceou fundo para as redes, mas o goleiro Marcão, com uma só mão, fez incrível defesa e impediu a abertura do marcador.

Depois do lance, o confronto entre as equipes ficou sonolento, muito por conta da situação na tabela de classificação de ambos os clubes. O duelo só voltou a esquentar a partir dos 30 minutos da etapa inicial.

Após receber assistência, Gabriel Verón chutou cruzado e balançou o fundo das redes, mas o bandeirinha anulou o tento assinalando impedimento. No minuto seguinte, Esteves, em posição regular, não desperdiçou passe de Verón e também anotou o gol, novamente invalidado por conta da mesma infração.

Pouco antes do apito parcial na partida, o time alviverde perdeu um gol feito. Em boa jogada pela lateral, Verón fez o cruzamento na medida para Josué. De frente para o arqueiro do Capivariano, o atacante não conseguiu pegar bem na bola e mandou a finalização por cima da meta.

No segundo tempo, o time de Capivari começou ameaçando mais, mas foram os visitantes que tiveram a principal chance do início do período. Aos 12 minutos, o japonês Daiju Sasaki recebeu próximo da pequena área e, na hora de bater, acabou furando a bola.

Aos 24, o Capivariano levou perigo em cobrança de falta. Na batida, Lucas Rodrigues escorregou, mas ainda chutou ao lado da trave defendida por Matheus Teixeira.

No último minuto do confronto, o Capivariano conseguiu sair com a vitória. Allecks bateu cruzado e o arqueiro do time alviverde permitiu o rebote. Na sobra, Luís Otávio dominou e chutou firme, fazendo o 1 a 0 e garantindo a primeira e única vitória da equipe nesta edição da Copinha.

Veja também:

 

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade