PUBLICIDADE
Logo do

Palmeiras

Meu time

Após cinco anos, Palmeiras anuncia saída de Felipe Melo

Felipe Melo encerra sua passagem pelo Palmeiras como um grande ídolo da torcida

4 dez 2021 15h03
| atualizado às 15h16
ver comentários
Publicidade
Felipe Melo jogador do Palmeiras durante partida
Felipe Melo jogador do Palmeiras durante partida
Foto: Marcello Zambrana/AGIF

O Palmeiras anunciou na tarde deste sábado (4) que não irá renovar o contrato de Felipe Melo. Contratado no início de 2017, o volante de 38 anos encerra sua passagem pelo Palmeiras com dois títulos da Libertadores, um do Campeonato Brasileiro, um da Copa do Brasil e um do Paulistão.

"Decisões difíceis na hora certa definem o peso do personagem na história. Sua saída não marca o fim de sua trajetória no Palmeiras, mas o início da eternização. Você ascende ao patamar mais elevado que o futebol proporciona, marcado para sempre nas paredes do clube e na memória do torcedor. Felipe, você fez história no Maior Campeão do Brasil e agora tricampeão da América", escreveu o clube.

Ao todo, o meio-campista disputou 225 jogos pelo Palmeiras, sendo assim o terceiro jogador com mais embates do atual elenco, ficando apenas atrás de Dudu, com 333, e William, com 253. Além disso, ele é o segundo com mais vitórias, com 136. Somente Dudu, com 189, possui mais êxitos.

Considerando toda a história, ele também coleciona números expressivos com a camisa alviverde. Felipe é o segundo jogador de linha com mais vitórias pelo Palmeiras em Libertadores (25, atrás apenas de Gómez, com 26) e o terceiro que mais jogou no Allianz Parque (98 embates, atrás de Dudu, com 141, e Willian, com 108).

Com esses números, Felipe Melo encerra sua passagem pelo Palmeiras como um grande ídolo da torcida. O volante, inclusive, chegou a ganhar uma música dos fãs: "o bagulho é doido, Felipe Melo pitbull cachorro louco".

Agora, portanto, ele está livre para assinar com qualquer outro clube. Internacional e Fluminense são os principais interessados em contar com o atleta em 2022.

Confira a carte de despedida do Palmeiras para Felipe Melo:

"Felipe, quando você chegou, em janeiro de 2017, você disse que tinha o objetivo de ser ídolo do Palmeiras e conqusitar títulos importantes. Cinco anos depois, olhando em retrospectiva, você levantou o Brasileiro de 2018, o Paulista de 2020, a Copa do Brasil de 2020 e as duas Libertadores de 2020 e 2021. Que missão cumprida!

Por falar em Libertadores, você se lembra do quanto te instigava, do quanto te arrepiava ouvir das arquibancadas de que a Taça Libertadores é obsessão? Pois então. Você trouxe essa alegria à torcida que canta e vibra duas vezes. A mesma torcida que, desde o começo te abraçou e cantou a plenos pulmões: "o bagulho é doido, Felipe Melo pitbull cachorro louco".

Na primeira conquista, você precisou se esforçar e suar ainda mais para voltar a tempo de estar à disposição no Maracanã. Só você e sua família carregarão para sempre o valor do épico gol do Breno Lopes nos acréscimos. Em 2021, um caminho árduo. São Paulo favorito? Atlético-MG favorito? Flamengo? Você contagiou todos e mostrou que, sim, era possível. E foi. Deus capacitou!

Em cinco anos houve também momentos difíceis, temporadas sem títulos, mas sempre com intensidade, como é ser Palmeiras e como é ser Felipe Melo. Realmente a sua escolha foi a melhor possível quando você decidiu voltar ao Brasil para dar sequência à sua vencedora carreira na Europa. Afinal, um verdadeiro campeão reconhece o outro.

Decisões difíceis na hora certa definem o peso do personagem na história. Sua saída não marca o fim de sua trajetória no Palmeiras, mas o início da eternização. Você ascende ao patamar mais elevado que o futebol proporciona, marcado para sempre nas paredes do clube e na memória do torcedor. Felipe, você fez história no Maior Campeão do Brasil e agora tricampeão da América."

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade