1 evento ao vivo
MMA

Rony Jason desconversa sobre decisão polêmica e elogia Aldo

23 mar 2014
22h29
atualizado às 23h47
  • separator
  • comentários

Vindo de uma derrota no UFC Fight Night: Belfort vs. Henderson, o cearense Rony Jason se recuperou neste domingo no UFC Fight Night: Shogun vs. Henderson 2 ao bater no Ginásio Nélio Dias o americano Steven Siler por nocaute técnico no primeiro round, em uma decisão do juiz que revoltou o derrotado.

<p>Rony Jason venceu Steven Siler por nocaute técnico</p>
Rony Jason venceu Steven Siler por nocaute técnico
Foto: Getty Images

O brasileiro exaltou sua preparação em Natal e comemorou sua quarta vitória como lutador da organização. "Fiz meu camp aqui em Natal, inclusive estou me mudando para cá porque amo essa cidade e treino com os melhores caras. O mínimo que posso ser é o melhor também", disse Jason.

Apontado por José Aldo como um de seus futuros adversários pelo cinturão dos penas, o cearense elogiou o atual campeão em entrevista depois da vitória polêmica: "para mim seria uma grande honra (disputar o cinturão). É um cara que eu me espelho, que sempre que posso falo bem, que o cinturão está em boas mãos. Eu sempre disse isso e para mim seria uma honra dividir o octógono com ele".

Próximo dos irmãos Pitbull, destaques do Bellator, Rony Jason não apontou Aldo como o melhor pena do mundo, apesar de todo o respeito demonstrado. Para ele, seu parceiro de treino Patrício é quem merece o título.

"Treino com o melhor do mundo, para mim, que é o Patrício Pitbull, com todo respeito ao José Aldo, que é um grande lutador. Estou galgando degrau por degrau para chegar no meu espaço e também ter o meu cinturão, porque prometi para minha cidade que eu ainda vou jogá-lo no solo de Quixadá", afirmou o cearense, que quis evitar polêmicas quanto à decisão dos juízes nesta noite.

"Deus escreve certo por linhas tortas. Eu acho que tinha de ser, ia ser de qualquer maneira", despistou Rony Jason, que agora tem quatro vitórias e apenas uma derrota no seu cartel do UFC.

Fonte: Terra

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade