1 evento ao vivo

Veja os maiores artilheiros da Copa América

15 jun 2015
08h17
  • separator
  • comentários

Com exceção do uruguaio Luís Suárez, os melhores atacantes das américas disputam no Chile a competição de seleções mais antiga do mundo. O desafio? Bater o recorde de gols em uma edição do torneio, que pertence a Jair (Brasil), Maschio (Argentina) e Ambrois (Uruguai). Eles fizeram nove gols em uma edição do torneio e nunca foram superados.

Nem Pelé, nem Maradona. Batistuta? Também não. Romário, Ronaldo, Salas, Zamorano... Muitos goleadores jogaram a Copa América e não conseguiram destronar o trio, ou ao menos alcançar os números. Nem mesmo Messi, que já esteve duas vezes disputando o torneio, chegou perto.

Mas o argentino tem mais uma chance. Messi, Aguero, Higuaín, Neymar, Robinho, Guerrero, Jackson Martínez, Marcelo Moreno, Alexis Sánchez e cia. A edição chilena está recheada de goleadores, todos com condições de alcançar a marca de nove gols.

O último a chegar perto foi o brasileiro Adriano, em 2004, no Peru. O Imperador fez sete gols na campanha do título da Seleção Brasileira, um a mais do que Robinho em 2007. Na Argentina, em 2011, Paolo Guerrero levou o troféu com apenas cinco gols.

Batistuta
Batistuta
Foto: Divulgação

1. Norberto Méndez (Argentina) fez 17 gols (1945, 1946 e 1947)
2. Zizinho (Brasil) fez 17 gols (1942, 1945, 1946, 1949, 1953 e 1957)
3. Severino Varela (Uruguai) fez 15 gols (1937, 1939 e 1942)
4. Teodoro Fernández (Peru) fez 15 gols (1935, 1937, 1939, 1941, 1942 e 1947)
5. José Manuel Moreno (Argentina) fez 13 gols (1941, 1942 e 1947)
6. Jair (Brasil) fez 13 gols (1945, 1946 e 1949)
7. Gabriel Batistuta (Argentina) fez 13 gols (1991, 1993 e 1995)
8. Ademir (Brasil) fez 13 gols (1945, 1946, 1949 e 1953)
9. Héctor Scarone (Uruguai) fez 13 gols (1917, 1919, 1923, 1924, 1926, 1927 e 1929)
10. Roberto Porta (Uruguai) fez 12 gols (1939, 1941, 1942 e 1945)

Lance!

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade