4 eventos ao vivo

Ricardo Oliveira comemora 20 anos de carreira: 'Objetivos seguem'

Atacante atualmente está sem clube e construiu sua carreira no futebol brasileiro, no futebol europeu e no futebol asiático. Segundo ele, ainda tem mais por vir

24 set 2020
19h01
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Nesta quinta-feira, 24 de setembro de 2020, Ricardo Oliveira comemora 20 anos de sua estreia como profissional e de seu primeiro gol. Isso aconteceu lá no ano 2000, com a camisa da Portuguesa. E para marcar essa data, o atacante utilizou sua conta oficial no Instagram para agradecer por todo esse período. Aos 40 anos de idade, ele diz que ainda há objetivos a serem alcançados.

Ricardo Oliveira completa 20 anos de carreira e ainda busca novos objetivos (Foto: Divulgação/Santos)
Ricardo Oliveira completa 20 anos de carreira e ainda busca novos objetivos (Foto: Divulgação/Santos)
Foto: Lance!

Sem clube desde que rescindiu contrato com o Atlético-MG, o jogador aguarda propostas para voltar a atuar ainda nesta temporada. Enquanto isso não acontece, Ricardo aproveita para resgatar os bons momentos que passou ao longo de duas décadas atuando como profissional do futebol no Brasil, na Europa e na Ásia, além de vestir a camisa sagrada da Seleção Brasileira.

- Hoje completo 20 anos da minha estreia como profissional e do meu primeiro gol. Lá no ano 2000, com a camisa da Portuguesa. Era o início de sonho e de objetivo concretizados. Agradeço a Deus, meus familiares, amigos, atletas e a todos que fizeram e ainda fazem parte de tudo isso. Obrigado aos clubes pelos quais passei e às torcidas e companheiros que comigo vibraram em cada passagem. E vamos por mais, pois os objetivos seguem e ainda temos muito pra fazer dentro de campo - declarou o atacante em seu Instagram.

Nesses anos, Ricardo Oliveira vestiu a camisa de dez clubes de quatro países diferentes: Brasil, Espanha, Itália e Emirados Árabes Unidos. Até aqui são 766 jogos, 384 gols marcados e 12 títulos conquistados. Além disso, ele foi artilheiro de cinco competições que disputou, dentro e fora do país, incluindo a Copa Libertadores de 2003, em que foi vice-campeão com o Santos.

Entre os dez clubes que defendeu nessas duas décadas, em três deles o atacante teve duas passagens: Betis-ESP, São Paulo e Santos. Já pela Seleção Brasileira na qual teve dois momentos (entre 2004 e 2007, e entre 2015 e 2016), ele estava no grupo campeão da Copa América de 2004 e da Copa das Confederações de 2005, mas não foi para a Copa do Mundo de 2006.

Confira os dados de Ricardo Oliveira em cada clube que passou:

Portuguesa - 2000 a 2002

85 jogos e 51 gols

Valencia - 2003 a 2004

33 jogos e 10 gols

Campeão Espanhol - 2003/2004

Campeão da Copa da Uefa - 2003/2004

Betis - 2004 a 2006 e 2009

70 jogos e 38 gols

Campeão da Copa do Rey - 2004/2005

Milan - 2006 a 2007

33 jogos e 4 gols

Campeão da Liga dos Campeões - 2006/2007

Zaragoza - 2007 a 2009

61 jogos e 30 gols

São Paulo - 2006 e 2010

51 jogos e 21 gols

Campeão do Brasileirão-2006

Al Jazira-EAU - 2009 a 2014

120 jogos e 91 gols

Campeão da Emirates Cup - 2009/2010

Campeão da Liga dos Emirados - 2010/2011

Campeão da President Cup - 2010/2011 e 2011/2012

Al Wasl-EAU - 2014

12 jogos e 4 gols

Santos - 2003 e 2015 a 2017

173 jogos e 92 gols

Campeão Paulista - 2015 e 2016

Atlético-MG - 2018 a 2020

110 jogos e 37 gols

Campeão Mineiro - 2020

Seleção Brasileira

18 jogos e 6 gols

Campeão da Copa América - 2004

Campeão da Copa das Confederações - 2005

Veja também:

A novela continua! Após desistir de espanhol, Palmeiras segue em busca de novo técnico
Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade