0

Pressão no 'novato' e estabilidade do veterano marcam clássico no Maraca

Marcão e Vanderlei Luxemburgo duelam, neste sábado, no Maracanã, pela 30ª rodada do Campeonato Brasileiro em momentos totalmente diferentes nas carreiras

2 nov 2019
07h04
atualizado às 11h52
  • separator
  • 0
  • comentários

Nas áreas técnicas do Maracanã, neste sábado, às 19h, estarão dois técnicos em momentos totalmente diferentes nas carreiras. Enquanto Vanderlei Luxemburgo, de 67 anos, já admitiu viver as últimas temporadas da carreira, Marcão, de 47, efetivado no Fluminense há menos de um mês, já trabalha sob pressão após três vitórias, três empates e três derrotas. A última para o Ceará, na quarta-feira, por 2 a 0.

Marcão e Luxemburgo duelam em clássico no Maraca (Foto: Divulgação)
Marcão e Luxemburgo duelam em clássico no Maraca (Foto: Divulgação)
Foto: Lance!

Confira aqui a classificação do Campeonato Brasileiro

- Todos estão muito chateados pela derrota. Batalhamos o segundo tempo todo. É pressão, mas quem trabalha num clube grande como o Fluminense tem que se fortalecer cada vez mais. Agora é tentar acertar o que a gente errou - afirmou Marcão.

O Vasco também vem de derrota - para o Grêmio, por 3 a 1. Mas Luxa comanda um time estabilizado no meio da tabela, mais tranquilo em relação às chances de rebaixamento e que tenta beliscar uma vaga na Copa Libertadores. É difícil, mas a equipe de São Januário busca almeja conquistar a qualidade do último algoz.

- O torcedor quer que a gente dispute, brigue. Não podemos esquecer a equipe que iniciou, e a equipe que está jogando aqui hoje. Há uma série de mudanças, ritmo... você vai ver que houve uma evolução muito grande. O importante, para mim, é os jogadores entenderem e se recuperarem (fisicamente) para o clássico com o Fluminense - analisou, após a derrota em São Januário.

O duelo entre tricolores e vascaínos é válido pela 30ª rodada do Brasileirão. O time de Vanderlei Luxemburgo é 11º colocado, com 38 pontos, enquanto a equipe de Marcão abre o Z-4, em 17º lugar, com 30.

Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade