PUBLICIDADE

Premiado com 'banho de cerveja', Löw analisa título da Alemanha

Técnico se diz orgulhoso com conquista inédita da Copa das Confederações e fala sobre favoritismo para a Copa do Mundo: 'Não temos problema de ser chamado de favoritos'

2 jul 2017 18h42
ver comentários
Publicidade

A Alemanha foi com uma equipe jovem para a disputa da Copa das Confederações. Quando muitos poderiam imaginar que a seleção comandada por Joachim Löw poderia facilitar a vida de seus rivais, a realidade se mostrou outra. Neste domingo, após a conquista inédita do torneio, o técnico alemão se mostrou extremamente orgulhoso e não mediu palavras para elogiar o seu grupo.

- Estou muito orgulhoso desse time. Você podia sentir em todos os treinos que algo estava acontecendo. Foi merecido o título - disse o treinador, antes de ser interrompido para levar o famoso 'banho de cerveja' durante a coletiva.

Recuperado da brincadeira, Löw prosseguiu:

- Grandes jogadores ficaram em casa. Agora, criamos alternativas. Esse era o meu objetivo. Minha prioridade é desenvolver novos talentos, quero dar experiência a eles. Isso que tentamos atingir - celebrou.

Perguntado sobre a Copa do Mundo no próximo ano na Rússia, o treinador não desconversou e disse que a Alemanha sempre está entre os favoritos.

- Sempre somos favoritos, em qualquer campeonato, sempre falam isso de nós. Não será a primeira vez. Eu disse outro dia que a Copa das Confederações e a Euro Sub-21 não dão garantias que ganharemos a Copa do Mundo. No Mundial há muitos candidatos, todo jogo tem que estar 100% focado. Temos que saber lidar com isso, não temos problema de ser chamado de favoritos - completou.

Neste domingo, a Alemanha conquistou a Copa das Confederações após vencer o Chile por 1 a 0, na Zenit Arena, em São Petersburgo. A equipe ainda terminou o torneio com a melhor campanha: quatro vitórias e um empate.

Löw conquistou a Copa das Confederações após a vitória sobre o Chile neste domingo (Foto: Patrik Stollarz / AFP)
Löw conquistou a Copa das Confederações após a vitória sobre o Chile neste domingo (Foto: Patrik Stollarz / AFP)
Foto: Lance!
Lance!
Publicidade
Publicidade