0
Logo do São Paulo
Foto: Marcos Bezerra / Futura Press

São Paulo

Postura de Everton Felipe orgulha Ricardo Rocha: 'Ele brigou para vir'

Coordenador de futebol do São Paulo diz que novo reforço tem o perfil que o clube busca: jovem, com vontade de vestir a camisa tricolor e sem pressa de ir embora

8 ago 2018
08h03
  • separator
  • comentários

Everton Felipe, anunciado pelo São Paulo nessa terça-feira, foi usado por Ricardo Rocha como exemplo do perfil de reforço que o clube considera ideal para o futuro: jovem, com vontade de vestir a camisa tricolor e sem pressa de ir embora.

Everton Felipe chegará ao São Paulo nesta quarta-feira (Foto: Williams Aguiar/Site oficial do Sport)
Everton Felipe chegará ao São Paulo nesta quarta-feira (Foto: Williams Aguiar/Site oficial do Sport)
Foto: LANCE!

- O jogador tem que vir para o São Paulo com vontade de jogar no São Paulo, com entusiasmo. E esse garoto brigou para vir para o São Paulo. Isso é um orgulho que a gente tem - disse o coordenador de futebol, durante o evento de inauguração do Caminho dos Ídolos, uma espécie de calçada da fama no Morumbi na qual ele é um dos homenageados.

Everton Felipe avisou à diretoria do Sport que gostaria de se transferir para o São Paulo, o que fez as negociações acelerarem nos últimos dias. Segundo Ricardo Rocha, o diretor de futebol Raí tem participação importante nisso.

- O Raí é fundamental em muitas coisas, inclusive a vinda de jogadores. Quando o Raí aparece, as coisas mudam. Foi assim comigo. Eu estou no São Paulo hoje pelo projeto que ele me mostrou. Essa semana eu tive uma conversa com o Bruno Peres e ele me falou: "Ricardo, eu tinha outras coisas, mas quando o Raí me mostrou o projeto, o que ele pensa, eu quis jogar no São Paulo". É isso que a gente quer, jogadores que entrem de frente, que não entrem de costas para saírem de frente, que não tenham pressa para sair do São Paulo. E isso a gente está resgatando. Tem muito trabalho pela frente ainda, mas eu acho isso tudo muito legal - emendou.

Everton Felipe, 21 anos, assinará nesta quarta-feira um contrato de empréstimo válido até o fim de 2019, mas já há um acordo para que ele tenha 40% dos direitos econômicos comprados em janeiro e fique por quatro temporadas no Morumbi. O Tricolor pagará R$ 3 milhões agora e mais R$ 3 milhões no ano que vem, além de repassar o empréstimo de Morato ao Leão.

- Ele cai como uma luva no que a gente pensa. Se você pegar as nossas contratações, vieram muitos jogadores com experiência, de 28, 29 anos. A gente tem conversado, o presidente, o Raí, eu, o Lugano e o próprio Aguirre... Está na hora de a gente começar a pensar em contratações de jogadores mais jovens também. Jogadores novos que venham e conheçam o que é o São Paulo, o espírito do São Paulo, e isso está acontecendo. Eu estava conversando uma vez com um dirigente do Barcelona e ele falou: "Ricardo, a gente trabalha muito com a base, mas a gente olha muito para Sevilla, Valencia...". Por que? Porque nesses clubes você pode encontrar jogadores bons também - explicou Ricardo, antes de salientar que o foco principal, quando se trata de garotos, é Cotia.

- Tenho falado muito sobre olhar a base, porque a nossa base é muito boa. O Luan é um desses destaques. Seis meses atrás, os dois volantes que jogavam contra o Cruzeiro decidiam a final da Copinha. Luan e Liziero! Em seis meses, veja o que aconteceu.

O São Paulo é o atual líder do Campeonato Brasileiro, com 35 pontos. O Flamengo, vice-líder, tem um a menos. As duas equipes jogam às 16h de domingo: os cariocas recebem o Cruzeiro e os paulistas visitam o Sport.

LANCE!

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade