1 evento ao vivo

Mauro Cezar vê declaração infeliz de Jesus: 'Torcida sempre reverenciará seus heróis da primeira Liberta'

Comandante do Rubro-Negro afirmou que torcida deixaria de cantar apenas as músicas de 1981. Para jornalista, torcedores celebraram igual momentos históricos

29 nov 2019
12h47
atualizado às 15h41
  • separator
  • 0
  • comentários

O comentarista esportivo Mauro Cezar Pereira, da ESPN Brasil, não concordou com uma declaração do treinador do Flamengo, Jorge Jesus. Nesta quinta-feira, o jornalista refutou a declaração do técnico de que as conquistas da temporada de 2019 irão "apagar" as conquistas da Era Zico, em 1981, das músicas cantadas pelos torcedores.

Mauro Cezar Pereira é comentarista esportivo na ESPN Brasil (Foto: Reprodução)
Mauro Cezar Pereira é comentarista esportivo na ESPN Brasil (Foto: Reprodução)
Foto: Lance!

- Jorge Jesus não foi muito feliz em sua coletiva de hoje. Disse que a torcida do Flamengo não vai cantar mais 1981. Errado, a torcida do Flamengo jamais deixará de reverenciar seus heróis da primeira Libertadores, e isso não a impede de fazer o mesmo com o time atual - disse ele.Confira a declaração dada pelo Mister e que foi a base para a declaração do jornalista:

- Já está na história do Flamengo e 81 vai deixar de ser cantado, já passou. O 2019, com todo o respeito, é que se fez a história do Flamengo. Sem ganhar muitos títulos, o que justifica ser a maior torcida do Brasil e do mundo? - afirmou Jorge Jesus em coletiva após a partida contra o Ceará, nesta quarta-feira.

Vale lembrar que na temporada em que o Rubro-Negro venceu a Libertadores pela primeira vez, em 1981, a equipe levantou o Carioca, a Libertadores e o Mundial de Clubes. Neste ano, o time do treinador português, tão aclamado de "Mister", venceu o Carioca, sob comando de Abel Braga, Brasileiro e a Liberta, com o técnico europeu.

Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade