PUBLICIDADE

Internacional massacra o Deportivo Táchira pela Libertadores

Colorado se recupera da derrota na primeira rodada e consegue uma vitória expressiva

27 abr 2021 23h56
| atualizado em 28/4/2021 às 00h02
ver comentários
Publicidade

Pela segunda rodada da Copa Libertadores da América, no estádio Beira-Rio, o Internacional goleou o Deportivo Táchira pelo placar de 4 a 0. Boa parte do resultado foi construído todo na primeira etapa. Com o resultado, o Colorado agora soma três pontos e assume a liderança por causa do saldo de gols. O Táchira também soma três pontos, mas agora foi para o 3º lugar.

Inter não teve dificuldades nesta terça-feira contra o Deportivo Tachira (Foto: SILVIO AVILA / POOL / AFP)
Inter não teve dificuldades nesta terça-feira contra o Deportivo Tachira (Foto: SILVIO AVILA / POOL / AFP)
Foto: Lance!

A segunda rodada do Grupo B será encerrada amanhã. O Olimpia pega o Always Ready, às 23h, no estádio Defensores Del Chaco. Na 3ª rodada, o Internacional recebe o Olimpia no Beira-Rio, às 21h, dia 05 de maio. O Táchira enfrenta o Always Ready, dia 06 de maio, às 19h, no Hernando Siles.

PRIMEIRO TEMPO FULMINANTE DO INTER

A etapa inicial foi toda do Internacional. Os comandados de Miguel Ángel Ramírez foram para cima do Táchira e logo aos 19 minutos conseguiram o primeiro gol. Rodinei bateu escanteio, Victor Cuesta subiu mais que todo mundo e abriu o marcador: 1 a 0. O segundo gol não demorou a sair. Aos 23, após bate-rebate, a bola sobrou para Patrick limpar e fazer o segundo. O Táchira até teve oportunidade para diminuir o placar ao longo do primeiro tempo, mas acabou mesmo foi tomando o terceiro gol. Aos 42 minutos, Cuesta acertou um belo lançamento para Galhardo, que limpou a jogada e marcou mais um: 3 a 0.

COMEÇO DO SEGUNDO TEMPO COM INTER PRESSIONANDO, MAS COM PALACIOS EXPULSO

O Internacional não diminuiu o ritmo no segundo tempo e voltou em busca do quarto gol. Poderia ter saído aos 5 minutos. Edenilson passou para Patrick, que bateu forte, mas a bola explodiu no rosto do goleiro Varela e não entrou. Aos 11, o goleiro Varela voltou a salvar após cabeçada de Dourado. O 4º gol estava maduro, mas as coisas ficaram um pouco complicadas após a expulsão de Palacios, que tomou o segundo cartão após falta em Góndola.

COLORADO NÃO SE INTIMIDOU, FOI PARA CIMA E MATOU O JOGO

O Internacional poderia ter se retraído com a epulsão de Palacios, mas mesmo com um jogador a menos o Colorado foi para cima do Táchira, criou várias chances para ampliar o placar e conseguiu o seu objetivo aos 29. Maurício lançou Yuri Alberto, que partiu em velocidade e bateu na saída do goleiro Varela para marcar o quarto. Por falar em Varela, o goleiro do Táchira ainda fez outras defesas que evitaram que o time venezuelano saísse do Beira-rio com uma derrota ainda maior.

Lance!
Publicidade
Publicidade