1 evento ao vivo

Gerson, do Flamengo, e Ramírez, do Bahia, são intimados a depor no STJD

Inquérito foi aberto na última quinta-feira, dia 14 de janeiro, e tem prazo de até 30 dias para a apuração do suposto caso de racismo ser concluído

18 jan 2021
22h25
atualizado às 22h43
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Com inquérito aberto para apurar a denúncia de injúria racial sofrida por Gerson, o Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) intimou o meia do Flamengo a prestar depoimento em sua sede, no Centro do Rio de Janeiro, assim como o meia Ramírez, do Bahia, quem teria ofendido o atleta rubro-negro em partida do Campeonato Brasileiro, disputada em 20 de dezembro.

Ramírez, do Bahia, e Gerson, do Flamengo, serão ouvidos pelo STJD (Foto: Alexandre Vidal / Flamengo)
Ramírez, do Bahia, e Gerson, do Flamengo, serão ouvidos pelo STJD (Foto: Alexandre Vidal / Flamengo)
Foto: Lance!

A informação foi publicada pelo "Globoesporte" e confirmada pelo LANCE!.

Os dois são aguardados no STJD no dia 3 de fevereiro. Gerson irá depor na parte da manhã, assim como o zagueiro Natan e o atacante Bruno Henrique, ambos companheiros de Flamengo, que foram convocados como testemunhas. O meia Ramírez, do Bahia, é aguardado na parte da tarde.

Flamengo e Bahia se enfrentaram, no Maracanã, em 20 de dezembro. Durante a segunda etapa, Gerson relata que Ramírez teria tido "cala boca, negro" durante uma discussão em campo. O atleta do Flamengo prestou depoimento, assim como outros envolvidos, e o caso está sendo investigado pela Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância, no Centro do Rio de Janeiro.

Veja também:

Veja os números dos principais nomes do Flamengo na campanha do octa!
Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade