1 evento ao vivo

Fluminense se esmera para aliar a velocidade à força ofensiva e voltar a engrenar no Clássico Vovô

Sem centroavante, Tricolor das Laranjeiras depositará fichas em jogadores rápidos para furar o bloqueio do Botafogo neste domingo, às 20h30, em São Januário

24 jan 2021
08h14
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

O Fluminense tem um árduo desafio no clássico diante do Botafogo, deste domingo, às 20h30, em São Januário, pela trigésima-segunda rodada do Campeonato Brasileiro. Sem contar com Fred, que está suspenso, o técnico Marcão tende a recorrer a uma linha de frente formada por jogadores que dão fôlego e atacam pelas pontas. Contudo, a equipe tem de fazer com que seu poderio ofensivo corresponda também em gols.

Linha de frente tem duas promessas e Lucca, que são mais velozes mas não marcaram muitos gols (Foto: MAILSON SANTANA/FLUMINENSE FC)
Linha de frente tem duas promessas e Lucca, que são mais velozes mas não marcaram muitos gols (Foto: MAILSON SANTANA/FLUMINENSE FC)
Foto: Lance!

Duas promessas tendem a ser lançadas no confronto. Após deixar um bom cartão de visitas no empate em 3 a 3 com o Coritiba, John Kennedy é o mais cotado para começar sua primeira partida entre os titulares. O atacante de 18 anos chega com forte expectativa aos olhos dos torcedores também por seu desempenho nas categorias de base.

John Kennedy já vinha se destacando nas categorias de base tanto na Copa São Paulo de Futebol Júnior e em outras competições. Pouco a pouco, foi ganhando espaço até despontar como favorito a "herdar" o posto de Fred.

Luiz Henrique, que é outra promessa tricolor, tem um desafio um pouco mais árduo. Embora tenha se firmado pouco a pouco entre os titulares, o jogador de 20 anos não correspondeu com gols entre os titulares. Além disto, invariavelmente o técnico Marcão tem optado por sacá-lo de campo no decorrer das partidas.

Jogador mais "cascudo" entre os cotados para a linha de frente, Lucca trouxe mais correria ao Fluminense. Entretanto, seu estilo impetuoso ainda deixa a desejar em alguns momentos e faz com que o jogador de 30 anos não consiga a afirmação entre os titulares.

Em contagem regressiva para brigar por uma vaga na Libertadores de 2021, o Tricolor das Laranjeiras precisa mais do que nunca que o trio, enfim, encontre o poderio ofensivo ideal. Afinal, uma vitória no clássico manterá as expectativas pelo sonho continental.

Veja também:

Qual foi a melhor? LANCE! lista 40 duplas ofensivas dos clubes brasileiros
Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade