PUBLICIDADE

Equador e Japão empatam e são eliminados

La Tri e samurais buscaram a vitória até o fim, mas dão adeus a competição após empate por 1 a 1. Uma das seleções poderiam encarar o Brasil, que, agora, terá Paraguai pela frente

24 jun 2019 22h05
| atualizado às 22h30
ver comentários
Publicidade

Sem nenhuma vitória, Equador e Japão estão eliminados da Copa América. Nesta segunda-feira, as seleções fizeram um duelo intenso, mas ficaram no empate pelo placar de 1 a 1, no Mineirão, em Minas Gerais, pela terceira e última rodada do Grupo C. Os gols da partida foram marcados por Nakajima - abriu o placar - e Mena, que buscou igualar o marcador para os equatorianos.

Equador x Japão: confira as imagens da partida
Equador x Japão: confira as imagens da partida
Foto: Luis ACOSTA / AFP / Lance!

Com o resultado, as equipes saem da competição sem conquistar os três pontos. O Equador terminou na quarta posição, com um ponto, enquanto o Japão - dois somados - ficou com o terceiro lugar. Apesar da posição, a equipe asiática não ficou entre as duas melhores classificadas. O Brasil, que poderia pegar uma dessas seleções, enfrenta o Paraguai nas quartas de final.

SAMURAIS NA FRENTE
Foi o Equador que começou a tomar as primeiras ações do jogo. O atacante Enner Valencia já tinha arriscado uma finalização perigosa. No entanto, o Japão, em sua melhor chance, abriu o placar. Okazaki recebeu o lançamento por trás da zaga, dividiu com o equatoriano Domínguez, e Nakajima chutou por cima para colocar no fundo da rede. A bola ainda tocou sutilmente no travessão. O VAR foi chamado e validou, posteriormente.

'TRANCOS E BARRANCOS'
Após abrir o placar, a defesa japonesa cometeu dois erros que assustaram o goleiro Kawashima. As falhas deram certo ânimo para os equatorianos, que foram na base da vontade para buscar o gol. Com uma pressão e erro defensivo dos asiáticos, La Tri chegou ao empate com Mena após o meia pegar um rebote da finalização de Arboleda. Depois disso, os samurais até esboçaram uma reação no fim do primeiro tempo, mas sem sucesso.

FALTOU CRIAÇÃO
Na volta dos vestiários, a seleção equatoriana voltou determinada a tirar o empate. A equipe mostrou velocidade, jogadas pela laterais e maior posse de bola. Entretanto, o time encontrou poucas chances claras para balançar a rede, apenas rondou a área japonesa. A melhor oportunidade aconteceu em uma tentativa de Velasco, aos 30. O Japão tentou aplicar contra-ataques, mas também não foi incisivo.

ADEUS, COPA AMÉRICA!
Ao final, as seleções tiveram chances, mas não conseguiram colocar a bola no fundo do gol. Os Samurais até tiveram um gol bem anulado de Kubo, o messi japonês. Do outro lado, os equatorianos quase gritaram gol com Arboleda. Entretanto, a rede não balançou no fim. Deste modo, os times perdem a chance de seguir na competição e colocam o Paraguai no caminho do Brasil.

FICHA TÉCNICA
EQUADOR 1 x 1 JAPÃO


Local: Mineirão, em Belo Horizonte
Data/Hora: 24/06/2019; 20h
Árbitro: Jesús Valenzuela (VEN) - Nota LANCE!: 6,0 - teve uma atuação segura e não comprometeu o andamento do jogo.
Assistentes: Luis Murillo (VEN) e Rodrigo Correa (BRA)
VAR: Fernando Rapallini (ARG)
Assistentes VAR: Nicolas Gallo (COL) e Jhon Alexader León (COL).
Gramado: Bom
Público / Renda: 9.729 pessoas / R$ 301.525,00
Cartão Amarelo: Tomiyasu, Arboleda, Antonio Valencia, Chicaiza,
Cartão Vermelho: -

Gols: Nakajima (16'/1ºT), Mena (34'/1ºT),

EQUADOR: Domínguez; Velasco, Mina, Arboleda e Ramírez; Gruezo, Orejuela, Méndez (Preciado - intervalo), Romário Ibarra (Antonio Valencia; 38'/2ºT) e Mena (Chicaiza; 28'/2ºT); Enner Valencia. Técnico: Hernán Gómez.

JAPÃO: Kawashima; Iwata, Tomiyasu, Naomichi Ueda e Sugioka,Shibasaki, Itakura (Maeda; 42'/2ºT), Miyoshi (Abe; 37'/2ºT), Kubo, Nakajima, Okazaki (Ueda; 20'/2ºT). Técnico: Hajime Moriyasu.

Lance!
Publicidade
Publicidade