0

Empresa de limpeza e segurança da Arena cobra R$ 5,2 mi do Corinthians

Enquanto tenta resolver pendências com a Caixa, clube vê mais um processo contra ele, desta vez da Tejofran, que cobra dívida em relação a atrasos nos pagamentos

18 set 2019
12h17
atualizado às 12h20
  • separator
  • 0
  • comentários

O Corinthians vem tendo que lidar com diversos problemas em relação a sua Arena. Enquanto tenta solucionar a questão da dívida com a Caixa, que fez com que o estádio fosse inserido no Serasa, o clube foi processado pela Tejofran, empresa que até agosto do ano passado foi responsável pela limpeza e segurança da casa alvinegra, em Itaquera. As informações são do site "GloboEsporte.com".

Empresa de limpeza da Arena Corinthians cobra dívida do clube na justiça (Foto: Divulgação)
Empresa de limpeza da Arena Corinthians cobra dívida do clube na justiça (Foto: Divulgação)
Foto: Lance!

A ação, protocolada no início do mês, mostra o valor de R$ 5,2 milhões de reais que a Tejofran cobra referente a parcelas que ela teria a receber de fevereiro a agosto de 2018, além de multas e outros encargos.

De acordo com o contrato, o Corinthians teria de pagar R$ 621.062,27 mensalmente à empresa. Destes, R$ 305.553,71 eram referentes aos serviços de projeto de limpeza, conservação com coleta seletiva de lixo e bombeiro Civil, e R$ 315.508,56 por segurança patrimonial e vigilância.

No processo, a Tejofran afirma que tentou negociar diversas vezes om o Timão, mas alega que o clube demonstrava 'total inércia' para resolver o problema de forma amigável.

Por meio de assessoria de imprensa, o Corinthians informou que 'não foi citado e no momento oportuno irá se manifestar'.

TABELA
> Veja classificação e simulador do Brasileirão clicando aqui

Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade