PUBLICIDADE

Em confronto equilibrado, ASA e CSA ficam no empate pelo Alagoano

Resultado não ajuda o Azulão a alcançar a liderança da competição, enquanto o Fantasma segue na zona de rebaixamento

27 mar 2021 19h02
| atualizado às 19h04
ver comentários
Publicidade

Pela 5ª rodada do Campeonato Alagoano, bem que ASA e CSA tentaram, mas o clássico acabou terminando com o placar de 2 a 2, no estádio Coaracy de Mata Fonseca, em Arapiraca.

(Reprodução/FAF TV)
(Reprodução/FAF TV)
Foto: Lance!

Com o resultado, o Fantasma chegou aos 3 pontos, porém ainda ocupando a 8ª colocação. Já o Azulão, com o tropeço fora de casa, chegou aos 8 pontos,

INÍCIO DE JOGO DISPUTADO COM O ASA ABRINDO VANTAGEM

Jogando em casa, o ASA sabia das dificuldades que teria diante do rival CSA que, por sua vez, entrou em campo com um time alternativo. Entretanto, o confronto iniciou de uma forma bastante disputada, com os dois times buscando o ataque a todo momento.

Mas quem saiu foi o próprio ASA, aos 10 minutos. Após saída de bola errada de Bruno Mota, Jonnathan conseguiu abrir a contagem. 1 a 0.

CSA CONSEGUE ENCONTRAR SEU TENTO NA RETA FINAL DO PRIMEIRO TEMPO

Atrás no placar, a equipe do Azulão buscava a todo custo seu gol de empate. Com o jogo rolando, as duas equipes faziam uma marcação muito forte, com direito a alguns lances de reclamação, fazendo com que a arbitragem não economizasse nos cartões amarelos.

Porém, aos 40 minutos, os visitantes conseguiram balançar a rede do adversário. Se redimindo da culpa no gol do Gigante, Bruno Mota aproveitou o cruzamento de Tita e, ao se livrar da marcação de Dinda, bateu sem chances para o goleiro. 1 a 1.

FANTASMA COMEÇA A ETAPA FINAL PRESSIONANDO

Apenas o CSA voltando com alteração, ao tirar Almir Luan para a entrada de Lucão, o ASA já reiniciou o duelo indo para frente, com direito a muita chuva. Com algumas boas chegadas, o goleiro Darley já foi logo testado por Johnnattan, ao pegar rebote em cobrança de escanteio.

Em seguida, aos 10 minutos, foi a vez de Daivisson exigir elasticidade do camisa 1 do Azulão. Após cruzamento por baixo de Xandy, que havia entrado momentos antes, o atacante mandou de letra, mas acabou parando na defesa do arqueiro.

AZULÃO VIRA, MAS ASA EMPATE EM SEGUIDA

Com o tempo passando, os dois times seguiam na busca por, ao menos, um gol. Até que aos 31 minutos, o Azulão conseguiu a virada, quando Gabriel, em cobrança de escanteio, cruzou a bola na área para Lucão aparecer e mandar para o fundo das redes. 2 a 1.

Porém a alegria por parte do time comandado por Mozart durou pouco. Praticamente no lance seguinte, aos 32, a bola acabou batendo no braço de Rodolfo Filemon, fazendo com que a arbitragem marcasse pênalti para o Gigante e, na cobrança, Daivisson tratou de empatar novamente o duelo. 2 a 2.

RETA FINAL COM EMOÇÃO

Com tudo igual no marcador, os dois times não estavam dispostos a sair de campo com apenas um ponto cada. Sendo assim, quem procurou mais foi o ASA que, por sua vez, tentou apostar as últimas fichas acionando seus jogadores na frente, porém sem o sucesso esperado nas investidas, dando a deixa para Francisco Carlos do Nascimento colocar um ponto final no jogo em Arapiraca.

FICHA TÉCNICA

ASA x CSA - 5ª RODADA DO CAMPEONATO ALAGOANO

Estádio: Coaracy da Mata Fonseca, em Arapiraca (AL)

Data: 27 de março de 2021, às 17h (de Brasília)

Árbitro: Francisco Carlos do Nascimento

Assistentes: Pedro Jorge Santos de Araújo e Antônio Ibiapina Alvarenga

Cartões amarelos: Jonas, Gabriel, Daivisson e Lázaro (ASA) / Iury e Silvinho (CSA)

Cartões vermelhos: -

GOLS: Jonnathan, 10'/1ºT (1-0); Bruno Mota, 40'/1ºT (1-1); Lucão, 31'/2ºT (2-1); Daivisson, 33'/2ºT (2-2).

ASA (Técnico: Ademir Fonseca)

Dida; Lázaro, Caíque, Marcelo e Ítalo; Dinda, Gabriel (Xandy, aos 6'/2ºT) e Jonnathans; Adaílson (Jonas, aos 18'/2ºT), Thiago Potiguar (Joanderson e Daividson.

CSA (Técnico: Mozart)

Darley; Almir Luan (Lucão, no intervalo), Tito (Ryan Gonzalez, aos 13'/2ºT), Rodolfo Filemon e Fabrício (João Victor, aos 42'/2ºT); Marquinhos, Gabriel e Ítalo; Bruno Mota, Silvinho e Iury.

Lance!
Publicidade
Publicidade