1 evento ao vivo
Logo do Seleção Brasileira
Foto: terra

Seleção Brasileira

CBF vai pedir à Fifa explicações sobre o não uso do VAR em jogo do Brasil

Segundo o coordenador de seleções, Edu Gaspar, entidade vai enviar carta para tentar entender por que o árbitro de vídeo não foi usado no empate com a Suíça, em Rostov

18 jun 2018
13h26
atualizado às 14h01
  • separator
  • 0
  • comentários

A CBF vai enviar uma carta à Comissão de Arbitragem da Fifa, para tentar entender por que o árbitro de vídeo não foi usado em lances polêmicos durante o empate em 1 a 1 com a Suíça. De acordo com o coordenador de seleções, Edu Gaspar, causou estranheza na entidade brasileira a não utilização do VAR no gol marcado por Zuber, que teria cometido falta no zagueiro Miranda no lance.

Edu Gaspar ao lado de Tite durante treino da Seleção Brasileira em Sochi, na Rússia (Foto: Lucas Figueiredo/CBF)
Edu Gaspar ao lado de Tite durante treino da Seleção Brasileira em Sochi, na Rússia (Foto: Lucas Figueiredo/CBF)
Foto: Lance!

A intenção da CBF é manifestar o descontentamento quanto à atuação do árbitro mexicano César Ramos, que se negou a olhar o telão após o lance, e entender quais são os critérios para o uso do VAR durante os jogos. A tecnologia está presente pela primeira vez em uma Copa do Mundo e já foi usada em outros jogos do torneio.

- O lance do Miranda é muito claro. E não estou justificando o resultado. Muito claro. O lance do pênalti é passivo de interpretação. Mas o primeiro não. Não dá para conceber alto nível dessa forma - ponderou Tite, no último domingo, logo após a partida em Rostov.

Além do lance de Miranda, causou estranheza no Brasil o não uso do VAR em lance envolvendo o atacante Gabriel Jesus, que teria sido abraçado na área pelo zagueiro Akanji. Mesmo quando o árbitro não assinala o contato faltoso, o árbitro de vídeo pode alertá-lo quanto à irregularidade da jogada e solicitar que o mesmo veja o vídeo na beira do gramado. Isso não aconteceu na partida em Sochi.

O Brasil volta a campo na próxima sexta-feira, às 9h (horário de Brasília), para enfrentar a Costa Rica, no segundo jogo do Grupo E.

Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade