0

Auxiliar conversa com Scarpa e vê mais espaço como ponta no Palmeiras

Maurício Copertino afirma que falou com o camisa 14 ainda nesta terça-feira para ajustar seu posicionamento em busca de mais chances no esquema de Vanderlei Luxemburgo

26 mai 2020
20h49
atualizado às 20h49
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Durante participação em live promovida pelo canal Tá Lá Dentro, no YouTube, Maurício Copertino, auxiliar técnico do Palmeiras, contou que conversou ainda nesta terça-feira com Gustavo Scarpa para ajudar o meia a ter mais chances. A indicação é de que o meia, que atuou em somente três partidas nesta temporada, se encaixaria melhor aberto pela direita do que na armação.

Maurício Copertino conversa com Gustavo Scarpa para ajustar posicionamento (Agência Palmeiras/Divulgação)
Maurício Copertino conversa com Gustavo Scarpa para ajustar posicionamento (Agência Palmeiras/Divulgação)
Foto: Lance!

- O Scarpa tem facilidade muito grande quando joga aberto pela direita, pelo fato de ter chute muito bom quando puxa para dentro, podendo fazer também o corredor central junto com outro meia. De repente, jogando em um quadrado e com dois atacantes soltos na frente - declarou Copertino.- Talvez, jogando como meia de armação, ele é um cara que se movimenta muito e não guarda muito a posição. Vem buscar o jogo e, em determinados momentos, é importante nessa posição ter um jogador que aguarde, que cole mais e chame atenção ali naquele setor - argumentou o auxiliar, relatando contato frequente e elogios ao meio-campista.

- Temos conversado com o Scarpa, e ele tem evoluído muito nos treinos. O Vanderlei tem gostado muito do trabalho dele. Acontece que tem outros grandes jogadores na posição dele, e precisamos que fazer escolhas. O Scarpa é um grande jogador, faz parte do grupo. Ainda conversei com ele hoje. Falamos um pouco e espero que, durante a temporada, nos ajude muito com suas entradas em campo e, às vezes, até assumindo a titularidade - afirmou.

As poucas oportunidades de Gustavo Scarpa em 2020 também tem como explicação a negociação mantida com o Almería, da Espanha, entre dezembro e janeiro. O camisa 14 acabou nem atuando na Florida Cup, disputada em meio à pré-temporada, nos Estados Unidos, e correu risco até de não ser inscrito no Campeonato Paulista, inicialmente. Mas a transação não se concretizou.

- No começo do ano, o Scarpa estava em processo para ser negociado. É lógico que os outros atletas já estavam mais integrados e acabaram lutando pelas posições. No caso, foi o Lucas Lima que começou como titular. O Scarpa ficou um pouquinho, aguardando essa negociação sair ou não, e acabou, de repente, perdendo um pouco de espaço. Mas, depois de seu retorno, com algumas conversas, ele voltou ao processo normal. Está lutando hoje por espaço dentro da equipe - declarou Maurício Copertino.

Veja também:

Editor do L! projeta duelos decisivos no Carioca e futebol europeu
Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade