2 eventos ao vivo

Após sucesso, Pádua (RJ) projeta novo evento do GP do Brasil de Jiu-Jitsu

GP do Brasil Champions of Champions Brazilian Jiu-Jitsu. A segunda edição do campeonato agitou a cidade e trouxe atletas, inclusive, de outras regiões

26 ago 2019
19h02
  • separator
  • 0
  • comentários

No último dia 18, em Santo Antônio de Pádua, no interior do Estado do Rio de Janeiro, aconteceu o GP do Brasil Champions of Champions Brazilian Jiu-Jitsu. A segunda edição do campeonato agitou a cidade e trouxe atletas, inclusive, de outras regiões. O grande nome da competição foi o faixa-preta Luan Carvalho, conhecido no cenário mundial da arte suave. O casca-grossa faturou a medalha de ouro e a premiação de R$ 1.000 reais.

Luan foi o grande nome do evento realizado no último dia 18 em Santo Antônio de Pádua (Foto: Click Art’suave)
Luan foi o grande nome do evento realizado no último dia 18 em Santo Antônio de Pádua (Foto: Click Art’suave)
Foto: Lance!

- O Jander (organizador) fez contato com a minha equipe para tá colocando os meus alunos. A pedido deles (alunos), por estar treinando e dá um incentivo a mais, decidi lutar, para que eles possam me acompanhar neste retorno - disse Luan, que se lesionou na Copa Podio, em fevereiro.

Já Júlio Moraes, que perdeu para Luan na final, comentou a batalha dura e disse que sai fortalecido para o restante da temporada de 2019: - Fiz uma luta dura com o Luan. Infelizmente não era o resultado que eu queria, perdi pra ele, mas foi um grande confronto e estamos aí na batalha - comentou.

O GP do Brasil Champions of Champions BJJ vem se notabilizando por incentivar o Jiu-Jitsu profissional e pagar premiação em dinheiro para os atletas.

O Mestre Fernando Pinduka, uma das grandes referências do Jiu-Jitsu, foi um dos convidados de honra do evento e comentou um pouco sobre o trabalho que está desempenhando na cidade. O casca-grossa revelou que Pádua tem tudo para se tornar uma referência da arte suave no Norte do Estado do Rio.

- A minha maior preocupação aqui é desenvolver o lado cultural do Jiu-Jitsu, com propostas técnico-científicas, que vão levar o apoio das escolas e do município. […] Eu vejo Pádua como uma percursora nesse desenvolvimento do Jiu-Jitsu na região Norte Fluminense e uma grande referência - disse Pinduka.

Cidade abraça GP do Brasil

Leonardo Moura, Secretário de Esportes de Pádua, comentou a importância do evento para o município e o crescimento da arte suave na região: "Diante do sucesso que foi (o evento), em relação ao número de atletas que vimos aqui, eu vi que é um segmento que está crescendo. Quando é algo bem feito, algo do bem, sabemos que vai prosperar. Não só o município de Pádua, mas toda a região vai crescer muito com o Jiu-Jitsu e se tornar um polo no estado do Rio", disse.

Um dos principais apoiadores do evento, Fernando Pinheiro, diretor-presidente da Copapa (Companhia Paduana de Papéis), exaltou a proposta do GP do Brasil Champions of Champions Brazilian Jiu-Jitsu.

- Estamos buscando a divulgação do esporte. Estaremos aí, sempre, com certeza. Podem contar conosco no próximo ano, estaremos fortes - disse Fernando, que reiterou a importância da empresa interagir no campo social e fomentar o bem-estar na cidade, assim como Marcela Santos, tesoureira da Sicoob, Sistema de Cooperativas de Crédito do Brasil.

- Com certeza! (Estaremos na terceira edição). Porque se é importante para a comunidade, também é importante para o Sicoob. Hoje a empresa participa tanto de eventos amadores, como de projetos sociais. Estamos envolvidos em campeonatos infantis, Tênis e outras modalidades - apontou.

Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade