PUBLICIDADE

Após 11 anos de clube, zagueiro Léo deixa o Cruzeiro

O Jogador e o clube mineiro acertaram um acordo amigável para a rescisão do seu contrato, que iria até o fim de 2022

20 mai 2021 13h54
| atualizado às 13h58
ver comentários
Publicidade

O zagueiro Léo, de 33 anos, após 11 anos de Cruzeiro, vai encerrar sua passagem vitoriosa pela Raposa. Clube e jogador acertaram a rescisão de forma amigável, do contrato, que iria até o fim de 2022.

Léo ficou 11 anos na Toca da Raposa e agora irá buscar um novo espaço no futebol-(Divulgação/Cruzeiro)
Léo ficou 11 anos na Toca da Raposa e agora irá buscar um novo espaço no futebol-(Divulgação/Cruzeiro)
Foto: Lance!

Nesta década jogando pelo time celeste, Léo entrou em campo 401 vezes e tem várias conquistas, como os Brasileiros de 2013 e 2014, Copa do Brasil, 2017 e 2018, além dos Mineiros de 2011, 2014, 2018 e 2019.

Outra marca importante do jogador é ter deixado sua marca nas redes adversárias 22 vezes com a camisa cruzeirense, sendo o terceiro zagueiros que mais fizeram gols pelo time azul.

Léo não joga desde setembro do ano passado, quando teve constatado um edema ósseo no joelho direito, desfalcando a Raposa na Série B.

O zagueiro não seguiu a indicação do Cruzeiro de tratamento cirúrgico, optando por uma terapia convencional, chegando a ir para os EUA, em Chicago, em um centro especializado, ficando até março deste ano, quando voltou ao clube mineiro, iniciando a recuperação da forma física.

O clube avaliou as questões esportivas e físicas, além do financeiro, pois o Cruzeiro tem débitos com o jogador, mesmo tendo feito readequação salarial à nova realidade da Raposa. Confira o comunicado oficial abaixo.

O Cruzeiro comunica, de forma oficial, a rescisão contratual do zagueiro Léo. O momento de responsabilidade financeira e austeridade necessárias pelo qual o Clube atravessa e minuciosas avaliações de ordens físicas e técnicas pesaram na tomada de decisão pela não continuação do atleta.

A decisão foi feita em comum acordo entre o Clube e o jogador, que receberá, em sua integralidade e de forma parcelada, o que lhe é de direito, incluídos os valores de salários que haviam sido parcelados em 2020 e o aumento realizado em 2019, durante a gestão de Wagner Pires de Sá e Itair Machado.

Léo chegou ao Cruzeiro em 2010 e entrou em campo em 401 jogos. Ao todo, foram 22 gols marcados e oito títulos conquistados, entre eles os bicampeonatos Brasileiro (2013 e 2014) e da Copa do Brasil (2017 e 2018).

O Clube agradece ao atleta pelos serviços prestados e deseja sorte na sequência de sua carreira.

Lance!
Publicidade
Publicidade