9 eventos ao vivo
Logo do Olimpíada 2016
Foto: terra

Olimpíada 2016

Os anunciantes aqui reunidos não possuem relação com os Jogos Rio 2016 e patrocinam apenas este caderno especial.

Macron reafirma ao COI total apoio à candidatura de Paris para Jogos de 2024

12 mai 2017
10h10
  • separator
  • comentários

O presidente eleito da França, Emmanuel Macron, conversou nesta sexta-feira com o presidente do Comitê Olímpico Internacional (COI), Thomas Bach, para reafirmar seu total apoio à candidatura de Paris para sediar os Jogos Olímpicos de 2024.

"Estamos muito contentes de que o futuro presidente tenha tomado essa iniciativa, inclusive antes de sua posse, para renovar o apoio total do governo a favor desse projeto de interesse nacional", afirmou o copresidente da candidatura de Paris 2024, o ex-campeão olímpico de canoagem Tony Estanguet em comunicado.

Macron e Bach conversaram dois dias depois de a Comissão de Avaliação do COI ter analisado a candidatura da capital francesa.

Segundo nota divulgada pelo movimento fundado por Macron, o En Marche!, o presidente eleito lembrou a Barch que a candidatura de Paris impulsionará o esporte e se inscreve na agenda de desenvolvimento sustentável defendida pelo COI.

"Macron reafirmou a dimensão estruturante do projeto e os benefícios que se espera que ele tenha para todos os franceses, respeitando os valores olímpicos", disse o En Marche! na nota.

Bach parabenizou o presidente eleito e expressou "satisfação" pela grande qualidade da candidatura francesa. "Ele agradeceu Macron por seu compromisso e mostrou vontade de se encontrar com o presidente em breve", completou o comunicado.

Macron, que assume o cargo oficialmente no domingo, deve se reunir com os membros da Comissão de Avaliação do COI em breve. Eles começarão nos próximos dias uma visita de três dias às diferentes instalações de Paris citadas na candidatura.

Estanguet lembrou que Macro mostrou um "grande interesse" pela candidatura da França a sediar os Jogos Olímpicos de 2024 desde quando era ministro da Economia, entre 2014 e 2016.

"Macron procede de uma nova geração de dirigentes e demonstrou seu desejo de unir os franceses em torno de grandes projetos positivos. O Comitê de Paris 2024 tem essa visão de um país ambicioso, aberto ao mundo e que compartilha os valores olímpicos", disse o ex-atleta.

EFE   

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade