0

Colômbia x Grécia: Terra acompanha minuto a minuto

13 jun 2014
23h45
atualizado às 23h45
  • separator
  • comentários

Neste final de semana a seleção colombiana encara um desafio inédito nos últimos 16 anos: uma partida de Copa do Mundo. Ausente nas três últimas edições, a Colômbia volta a disputar a principal competição do futebol com a responsabilidade de surpreender os chamados “gigantes”. Em grupo equilibrado, tem o primeiro duelo com a Grécia às 13h (de Brasília) deste sábado, no Mineirão.

<p>Colombianos não contarão com Falcao, mas seguem como um dos favoritos no Grupo C</p>
Colombianos não contarão com Falcao, mas seguem como um dos favoritos no Grupo C
Foto: Paulo Whitaker / Reuters

Apesar de não saber o que é disputar Mundiais neste século, a emergente Colômbia curiosamente chega ao torneio com certo peso sobre os ombros. Mesmo com a lesão da estrela Falcao García, a seleção concentra bastante expectativa em torno de si após boa campanha nas Eliminatórias. Para dar razão aos que a consideram possível surpresa da Copa, os colombianos precisam antes passar pelo primeiro compromisso: o jogo contra os gregos.

“Para nós o desafio é jogar como estamos jogando, para conseguir fazer grandes danos na Grécia”, afirmou o técnico José Pékerman. “As expectativas são muito grandes. Estamos muito orgulhosos de que a Colômbia volta a um Mundial após dezesseis anos”, completou.

O principal adversário da seleção colombiana nas últimas semanas foram as lesões. Obrigado a cortar cinco atletas, o treinador tem encontrado dificuldades para escolher os titulares. Além de Falcao, Pekerman perdeu o zagueiro Luis Perea, o volante Valencia, o meia Aldo Ramírez e o atacante Luís Muriel. Assim, tem feito ajustes constantes no time principal.

“Enfrentamos problemas e eles ficaram para trás, mas não vamos mais falar sobre isso. Claro que não posso negar que gostaria de ter o Falcão na seleção, mas estamos olhando para frente e nos sentimos fortes”, destacou Pekerman. “Chegamos para o Mundial no Brasil com o objetivo de sermos protagonistas e irmos o mais longe possível”, assegurou o técnico.

<p>Treinador Fernando Santos tem a difícil missão de levar a Grécia às oitavas de final</p>
Treinador Fernando Santos tem a difícil missão de levar a Grécia às oitavas de final
Foto: Getty Images

A seleção grega, pelo contrário, tem poucas chances de chegar às fases mais agudas da Copa do Mundo. Eliminada na primeira fase na África do Sul, a envelhecida equipe europeia ainda vive da conquista da Eurocopa há dez anos. E as esperanças de bom desempenho neste Mundial são pequenas, já que a seleção não foi colocada à prova contra grandes adversários nas Eliminatórias.

Ainda assim, o técnico Fernando Santos espera surpreender a cabeça de chave do grupo e lembra as ausências da seleção adversária em Mundiais. “É um erro considerar a Colômbia favorita ao título, porque eles não jogam o Mundial há muitos anos e isso pesa muito”, acredita o português, que ainda assim mostra respeito. “Eles têm uma grande geração de jogadores, que são estrelas nas maiores equipas da Europa, são muito talentosos. Temos de começar fortes e concentrados porque será uma partida muito difícil“.

FICHA TÉCNICA
COLÔMBIA X GRÉCIA

Local: Mineirão, em Belo Horizonte (MG)
Data: 14 de junho de 2014, sábado
Horário: 13h (de Brasília)
Árbitro: Mark Geiger (EUA)
Assistentes: Mark Hurd (EUA) e Joe Fletcher (CAN)

COLÔMBIA: Ospina, Armero, Yepes, Carlos Valdés e Zúñiga; Aguilar, Carlos Sánchez, Cuadrado e James Rodríguez; Jackson Martínez e Teófilo Gutiérrez
Técnico: José Pékerman

GRÉCIA: Karnezis, Holebas, Sokratis, Manolas e Torosidis; Samaris, Katsouranis e Maniatis; Samaras, Mitroglu e Salpingidis
Técnico: Fernando Santos

Fonte: Terra
  • separator
  • comentários
publicidade