2 eventos ao vivo

River-PI supera pressão e vence Botafogo-PB na estreia

4 fev 2015
11h11
atualizado às 11h24
  • separator
  • 0
  • comentários

Se a pressão não veio da torcida, já que as arquibancadas do Almeidão estavam vazias, o River-PI teve que suportar o volume de jogo do Botafogo-PB, que por atuar em casa, desde o início se lançou ao ataque, para conseguir se dar melhor na estreia da Copa do Nordeste. Com a vitória por 2 a 1 fora de casa, a equipe piauiense se isolou na liderança do Grupo D, já que as outras duas equipes da chave se enfrentam nesta quarta.

Atual campeão estadual, o River-PI soube ficar bem postado no setor defensivo para evitar surpresas desagradáveis. Desde o apito inicial, o Bota se lançou ao ataque na tentativa de fazer valer o mando de campo e começar a competição com o pé direito. Apesar da pressão ofensiva, os donos da casa não conseguiram furar o bloqueio do River para balançar as redes do goleiro Naylson.

Passados os trinta primeiros minutos de pressão dos donos da casa, o River-PI mostrou estar ciente dos ensinamentos do técnico Flávio Araújo. Após puxar rápido contra-ataque pela direita, Tote cruzou em direção à área e o atacante Eduardo, livre de marcação, só teve o trabalho de empurrar para as redes e marcar o primeiro gol da Copa do Nordeste 2015 a pouco menos de dez minutos do fim da primeira etapa.

Depois de quase ver a desvantagem aumentar no fim da etapa inicial, o que só não aconteceu graças às intervenções precisas do goleiro Genivaldo, o Botafogo-PB voltou a pressionar o River-PI no segundo tempo para igualar o placar. Entretanto, a equipe mandante acabou novamente surpreendida aos 9 minutos, agora por um jogador que é velho conhecido da torcida paraibana. O atacante Warley, ex-Bota, recebeu passe de Eduardo dentro da área e se antecipou ao goleiro com um toque de categoria para marcar o segundo gol dos visitantes.

Atônito com o resultado, o técnico Marcelo Vilar tentou alterar o esquema tático para recuperar o ânimo da equipe. Sob a tática do 4-5-1, com apenas um homem de referência no ataque, os paraibanos voltaram a dominar o jogo, mas ao contrário do que parecia, chegaram ao primeiro gol sem trabalhar a bola. Em cobrança magistral de falta, Alex Cazumba bateu sem chances de defesa para o goleiro Naylson, que se manteve firme até o apito final e ajudou o River a decretar a vitória fora de casa.

O Grupo D da Copa do Nordeste tem sequência nesta quarta-feira, assim como os demais confrontos das outras quatro chaves. A partir das 21h20 (de Brasília), no estádio Castelão, Ceará e Fortaleza se enfrentam no primeiro clássico estadual do torneio da Região Nordeste.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade