0

Pressionado por torcedores, Corinthians tenta reabilitação contra o Bahia

Equipes se enfrentam neste sábado, às 19h, na arena em Itaquera, pelo Brasileirão

21 set 2019
04h41
atualizado às 04h41
  • separator
  • 0
  • comentários

Pressionado pelos torcedores, o Corinthians enfrenta o Bahia neste sábado, às 19h, na arena em Itaquera, pela primeira rodada do returno do Campeonato Brasileiro. A partida é a oportunidade de Fábio Carille mudar a equipe e dos jogadores responderem às cobranças sobre falta de vontade em campo.

Na sexta-feira, cerca de 60 torcedores da Gaviões da Fiel protestaram contra os últimos resultados - o time soma apenas uma vitórias em sete jogos. A manifestação foi feita em frente ao Centro de Treinamento Joaquim Grava, na zona leste de São Paulo. O principal alvo foi o treinador, criticado pela postura defensiva. Os atletas foram cobrados de uma maneira geral por não demonstrarem raça em campo.

Faixa exposta pela Gaviões no CT do Corinthians.
Faixa exposta pela Gaviões no CT do Corinthians.
Foto: Divulgação/ Gaviões da Fiel / Estadão

O atacante Vagner Love admitiu que o time precisa melhorar e comentou também que essa cobrança acontece internamente também. "Sabemos do resultado ruim desta semana, estamos nos cobrando muito por essa derrota na semifinal. Do jeito que eles estão cobrando, a gente também está se cobrando, temos que mudar a nossa atitude. Falei depois do jogo, ter mais atitude, nos cobrar e fazer melhor", disse.

Depois da derrota por 2 a 0 para o Independiente Del Valle, Carille disse que os jogadores mais jovens, como Pedrinho e Mateus Vital, sentiram a pressão em uma partida continental. Love discordou do discurso do treinador.

"Todos nós fizemos um jogo ruim e por isso perdemos por 2 a 0 em casa. Culpado são todos, os mais novos, mais velhos, comissão técnica, por termos feito as escolhas erradas. Não vejo o porquê cobrar algum jogador. Acho que (o discurso do Carille) já foi bem administrado entre as partes, temos um convívio bom aqui, todos se respeitam, agora é dar continuidade ao trabalho", comentou.

Para a partida, Carille deve mexer na equipe. Ele não contará com Junior Urso, suspenso pelo terceiro cartão amarelo. Matheus Jesus deve ser o substituto. O treinador também afirmou que analisará cada jogador para poupar quem estiver mais desgastado fisicamente.

Uma baixa certa é a de Danilo Avelar, que nem foi relacionado e dará lugar a Carlos Augusto. O ataque também deve sofrer alterações devido ao mau desempenho nos últimos quatro jogos - duas derrotas e dois empates. A escalação, no entanto, só será confirmada momentos antes da partida.

FICHA TÉCNICA:

CORINTHIANS: Cássio, Fagner, Manoel, Gil e Carlos Augusto; Ralf, Matheus Jesus e Mateus Vital; Pedrinho, Vagner Love (Boselli) e Clayson (Sornoza). Técnico: Fábio Carille.

BAHIA: Douglas, Nino, Lucas, Juninho e Moisés, Gregore, Ronaldo e Flávio, Élber, Artur e Gilberto. Técnico: Roger Machado.

ÁRBITRO: Marcelo de Lima Henrique (RJ)

HORÁRIO: 19h

TRANSMISSÃO: Première.

LOCAL: Arena Corinthians, em São Paulo.

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade