0

Náutico reverte vantagem, elimina Juventude nos pênaltis e vai à final da Série C

Equipe vai enfrentar o Sampaio Corrêa na decisão da terceira divisão do campeonato nacional

22 set 2019
21h50
  • separator
  • 0
  • comentários

O Náutico está na final da Série C do Campeonato Brasileiro. A vaga foi conquistada na noite deste domingo, no estádio dos Aflitos, em Recife (PE), com uma vitória por 4 a 3 sobre o Juventude nos pênaltis após vitória por 2 a 1 no tempo normal do confronto de volta das semifinais. A decisão foi para as penalidades porque o jogo de ida, em Caxias do Sul (RS), teve o mesmo placar, mas a favor dos gaúchos.

O time pernambucano vai decidir o título contra o Sampaio Corrêa, que garantiu a vaga ao bater o Confiança por 1 a 0 no sábado, depois de ter vencido por 2 a 0 no primeiro jogo. As datas ainda serão definidas pela CBF, mas é certo que o time maranhense decide em casa, já que tem a melhor campanha geral, com 41 pontos somados contra 38 do adversário. Os semifinalistas já tinham garantido o acesso à Série B em 2020.

Com a classificação, o Náutico voltará a disputar uma final nacional após 31 anos. A última vez foi em 1988, quando perdeu o título da Série B para a Internacional de Limeira, ao ser derrotado por 2 a 1 na grande decisão. O time do Recife nunca ganhou um título brasileiro - o time foi vice-campeão da Série B em 2011.

Em campo neste domingo, o Náutico foi superior no primeiro tempo e contou com a estrela de Álvaro para construir uma boa vantagem. Ele marcou de cabeça duas vezes, aos 16 e aos 31 minutos. O Juventude, que chegou a perder um pênalti durante o primeiro tempo, quando Eltinho acertou a trave, diminuiu aos 33 da etapa final, também em uma cabeçada, com Genilson.

Na disputa de penalidades, Álvaro quase virou vilão ao isolar para fora a sua cobrança. A sorte foi que Jefferson, goleiro do Náutico, já havia defendido o pênalti de Dener antes e Dalberto bateu para fora na sequência. Matheus Carvalho converteu o último e garantiu a classificação pernambucana, para a festa dos mais de 13 mil torcedores que foram ao estádio dos Aflitos neste domingo.

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade