PUBLICIDADE

Futebol Internacional

Varane recebe proposta astronômica do time de Cristiano Ronaldo

Zagueiro já atuou com o português no Manchester United e no Real Madrid

6 fev 2024 - 18h31
(atualizado às 18h31)
Compartilhar
Exibir comentários
Varane é jogador do Manchester United desde 2021
Varane é jogador do Manchester United desde 2021
Foto: George Wood | Getty Images / Esporte News Mundo

Segundo o jornal britânico "Daily Mail", o zagueiro francês do Manchester United, Raphael Varane, recebeu uma proposta de 50 milhões de euros (R$ 266 milhões) por ano do Al-Nassr, equipe do astro português Cristiano Ronaldo.

Varane não é titular absoluto do Manchester United. Com isso, não atingiu meta estipulada que estenderia seu vínculo com o clube inglês por mais um ano. Em 21 jogos na atual temporada, o defensor começou jogando em somente 15 oportunidades. O compromisso do defensor com os Diabos Vermelhos é válido até junho, sendo assim, ele já pode assinar um pré-contrato com qualquer outra equipe.

Ainda de acordo com o veículo de comunicação britânico, Varane possui um dos maiores salários do elenco do Manchester United. Se assinar com o Al-Nassar, o francês novamente será companheiro de Cristiano Ronaldo, com quem jogou no próprio clube inglês e também no Real Madrid.

O zagueiro é cria das categorias de base do Lens, da França. Após se destacar, foi contratado pelo Real Madrid, onde atuou por 10 temporadas e conquistou todos os títulos possíveis. Em seguida, transferiu-se para o Manchester United. Pelos Diabos Vermelhos, venceu a Copa da Liga inglesa.

Pela Seleção Francesa, Raphael Varane levantou a taça da Copa do Mundo de 2018. O zagueiro também disputou as edições de 2014 e 2022 do torneio, além da Eurocopa de 2021 e da Nations League 2022/2023.  

Recentemente, Jordan Henderson se transferiu do Al-Ettifaq e retornou à Europa. O ex-jogador do Liverpool assinou com o Ajax, da Holanda. E o zagueiro Aymeric Laporte, do Al-Nassr, criticou o futebol da Arábia Saudita. Com isso, a imprensa internacional acredita que mais jogadores podem deixar o país.

Esporte News Mundo
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade