PUBLICIDADE

Futebol Internacional

Na Croácia, Nildo da Silva divide tempo livre em campo com agenciamento de outros atletas pelo mundo

Ao lado de Santiago e Boris, trio administra a Globe Sports Conecction, que já conta com mais de 300 jogadores atendidos

8 dez 2023 - 21h02
(atualizado às 21h02)
Compartilhar
Exibir comentários
Nildo da Silva e Boris no NK Darda, da Croácia
Nildo da Silva e Boris no NK Darda, da Croácia
Foto: Divulgação/Globe Sports Conecction / Esporte News Mundo

A carreira de jogador de futebol não é nada fácil. Muitos treinamentos, jogos, viagens, que fazem os atletas terem pouco tempo livre. Nildo da Silva, que atua no NK Darda, da Croácia, não é diferente. Mas até no tempo livre ele não larga o futebol: usa para agenciar, ao lado de Santiago e Boris, a Globe Sports Conecction.

Fundada em 2011, com o comando de Nildo, Santiago e Boris, a empresa conta com o apoio de representação e intermediações, além da assessoria e também o gerenciamento da carreira dos atletas. O brasileiro do NK Darda comentou sobre a experiência.

- Desde que comecei a jogar futebol e adquirir experiência com o passar dos anos dentro do campo, comecei a pensar em criar uma empresa especializada no ramo. Facilitando a gestão dos atletas porque eu sei como é difícil e nada fácil, só que com foco sabia que iria dar certo - afirmou Nildo da Silva em conversa com o Esporte News Mundo, antes de completar:

- Acredito que um dos maiores desafios é manter o bom futebol e isso eu venho conseguindo entregar pelo NK Darda. Ainda consegui trazer atletas do Brasil para o próprio clube que eu atuo e isso é muito bacana para mim.

Ao redor do planeta, presente em todos os continentes, a empresa conta com uma estrutura para o atleta ao longo da jornada no futebol. O suporte desde a saída do atleta da cidade onde pertence até a chegada no clube e mantendo isso ao longo das temporadas é um fator destacado pelo jogador.

- Iniciei o projeto com a Globe Sports, sabia que não iria ser nada fácil até por conta dos meus jogos e da correria que tenho de um atleta. Mas graças a Deus consegui equilibrar isso e conduzir da melhor forma possível dentro e fora de campo e poder ajudar mais de 300 atletas pelo mundo atualmente - finalizou o representante.

Esporte News Mundo
Compartilhar
Publicidade
Publicidade