2 eventos ao vivo

Juve reage após queda, vira sobre Fiorentina e é octacampeã

20 abr 2019
14h56
atualizado às 15h12
  • separator
  • 0
  • comentários

A Juventus se redimiu neste sábado da melhor maneira possível após a eliminação para o Ajax nas quartas de final da Liga dos Campeões. Recebendo a Fiorentina no Allianz Stadium pela 33ª rodada do Campeonato Italiano, a Velha Senhora fez um primeiro tempo bastante ruim, porém, se recuperou na etapa complementar e acabou vencendo por 2 a 1, graças aos gols de Alex Sandro e Pozzela (contra). Melinkovic abriu o placar para os visitantes. Com o resultado, o time bianconeri se sagrou octacampeão nacional, uma vez que chegou aos 87 pontos e deu fim às chances de título do Napoli, vice-líder.

Foto: Massimo Pinca / Reuters

Nesta temporada, restou à Juventus apenas o 'Calcio', como é chamado o Campeonato Italiano. Após caírem na Copa da Itália para a Atalanta e serem eliminados da Liga dos Campeões pelo Ajax, Cristiano Ronaldo e companhia tiveram de se contentar com o título nacional, algo que já se tornou rotina para os torcedores da Velha Senhora, mas não para o camisa 7 da equipe, que ergueu seu primeiro troféu pela Velha Senhora.

Restando cinco jogos para o fim do Italiano, a Juventus agora só terá a missão de cumprir rodada, uma vez que já não há mais qualquer objetivo a ser alcançado na temporada. Desta forma, atletas que não vêm recebendo tantas oportunidades do técnico Massimiliano Allegri, deverão ser acionados com mais frequência.

Foto: Massimo Pinca / Reuters

O jogo

A Fiorentina não demorou muito para dar seu cartão de visitas. Logo aos cinco minutos de partida, o time viola abriu o placar com Milenkovic. O zagueirão aproveitou a sobra da dividida de Chiesa com a zaga da Juventus e não titubeou, estufando as redes do goleiro Szczesny, que, já caído, nada pôde fazer para evitar o gol adversário.

Sem conseguir render o esperado e tentando se desvencilhar da "ressaca" pós-eliminação na Liga dos Campeões, a Juventus chegou a sofrer o segundo gol para a Fiorentina, porém, desta vez, o árbitro marcou impedimento. Aos 25 minutos, Giovanni Simeone, filho de Diego Simeone, mandou para dentro, contudo, estava à frente da linha adversária.

Não satisfeita, a Fiorentina ainda carimbou duas bolas na trave com Chiesa, que parecia não contar com a sorte no Allianz Stadium, mas quem acabou balançando as redes, de fato, foi a Juventus. Aos 36 minutos, Alex Sandro apareceu no primeiro pau e, de peixinho, completou a cobrança de escanteio de Pjanic, deixando tudo igual em Turim.

Segundo tempo

Se o primeiro tempo da Juventus foi bastante ruim, na etapa complementar os donos da casa melhoraram. Cientes da importância de conquistar o título em casa, o elenco bianconeri foi para cima da Fiorentina e logo aos sete minutos viraram a partida em gol contra de Pezzella. O zagueiro tentou interceptar o passe de Cristiano Ronaldo a Bernardeschi e acabou jogando contra o próprio gol.

Após a virada, o time da Juventus cresceu ainda mais e pressionou os visitantes na tentativa de marcar mais um gol e ficar mais confortável em campo. Aos 18 minutos, por exemplo, Pjanic arriscou de fora da área, forçando grande defesa do goleiro Lafont, que minutos antes já havia presenciado sua defesa passando apuros contra o ataque composto por Cristiano Ronaldo, Bernardeschi e Cuadrado.

Nos minutos finais, já com todas as alterações feitas, a Juventus precisou apenas administrar a partida, enquanto a torcida fazia uma grande festa nas arquibancadas, para confirmar o oitavo título italiano consecutivo, o primeiro de Cristiano Ronaldo, em pleno Allianz Stadium, em Turim.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade