PUBLICIDADE
URGENTE
Saiba como doar qualquer valor para o PIX oficial do Rio Grande do Sul

Bélgica

Com De Bruyne inspirado, Bélgica vence Alemanha fora de casa em amistoso

28 mar 2023 - 18h00
Compartilhar
Exibir comentários

Em amistoso no RheinEnergieStadion, em Colônia, a Bélgica visitou a Alemanha e venceu o confronto por 3 a 2. Carrasco, Lukaku e De Bruyne foram os responsáveis pelo triunfo na partida, enquanto Fullkrug e Gnabry diminuíram o placar nesta terça-feira.

Esta foi a segunda vitória da Bélgica desde o fim da Copa do Mundo do Catar. Após cair na fase de grupos, o time está em fase de reformulação com a contratação do técnico Domenico Tedesco. O próximo jogo da seleção será no dia 17 de junho, contra a Áustria, pelas Eliminatórias para a Euro.

Já a Alemanha, que também decepcionou na Copa de 2022, está em preparação para sediar a edição de 2024 da Eurocopa. A equipe está marcando amistosos para manter o ritmo, já que não está participando das Eliminatórias.

O jogo

A Bélgica começou o primeiro tempo com tudo e abriu o placar logo aos seis minutos. Em contra-ataque, De Bruyne enfiou bola para Carrasco. O ponta teve espaço para avançar pela esquerda, cortou Wolf na entrada da área e acertou um chute forte no alto, sem chances de defesa para ter Stegen.

Três minutos depois, os visitantes já haviam marcado o segundo gol, com mais uma jogada feita por De Bruyne. O meia acertou outra bola enfiada e deixou Lukaku cara a cara com ter Stegen. O centroavante só precisou bater colocado para tirar do goleiro e aumentar a vantagem.

Os mandantes só conseguiram reagir aos 42 minutos, quando Lukaku desviou a bola com a mão e o árbitro marcou pênalti. Na cobrança, Fullkrug deslocou Casteels e bateu no canto esquerdo, colocando a Alemanha de volta no jogo.

Na segunda etapa, a Alemanha começou a levar mais perigo para a defesa da Bélgica e teve chances de empatar. Werner até chegou a marcar aos 14 minutos, mas o bandeira marcou impedimento na jogada.

Mesmo com o maior volume de jogo dos adversários, os belgas conseguiram ampliar a vantagem aos 33 minutos. Trossard aproveitou o espaço na defesa alemã e puxou contra-ataque. O ponta passou para De Bruyne, que finalizou de esquerda no canto de ter Stegen e fez o terceiro dos visitantes.

Gnabry ainda quase fez um gol digno de Puskas aos 40 minutos. O alemão passou por cinco defensores belgas e finalizou na trave. Porém, três minutos depois o atacante aproveitou o cruzamento de Schade para marcar o segundo da Alemanha.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Compartilhar
Publicidade
Publicidade