PUBLICIDADE

Por identidade e acesso, G. Prudente estreia na última divisão de SP

5 mai 2012 - 07h27
(atualizado às 07h49)
Publicidade
Emanuel Colombari

A cidade de Presidente Prudente está pronta para tentar ressurgir no cenário do futebol paulista. Depois do retorno do Grêmio Prudente para Barueri, onde reassumiu o nome de Grêmio Barueri em 2011, a cidade do interior de São Paulo quer começar a escrever uma nova história no esporte. E para isso aposta no novo - sim, novo - Grêmio Prudente, que disputa a partir deste fim de semana a Segunda Divisão do Campeonato Paulista.

» Confira como está o mercado da bola no futebol brasileiro

Para isso, a cidade conta desde 2011, com o Grêmio Desportivo Prudente, que não tem qualquer relação com o Grêmio Prudente Futebol Ltda. - este, sim, o atual Grêmio Barueri. O novo Grêmio Prudente ocupa a vaga do Oeste Paulista Esporte Clube, fundado na cidade no fim de 2005 e campeão da Segunda Divisão do Campeonato Paulista de 2007. Licenciado de competições após o rebaixamento na Série A3 de 2009, o Oeste Paulista cedeu seu espaço ao novo Grêmio Prudente, em troca do pagamento de dívidas trabalhistas.

Com nome novo e distintivo semelhante ao do antigo Grêmio Prudente, a meta da equipe é subir para a Série A3 o quanto antes - se possível, já ao fim de 2012. Para isso, além de ter apoio de cerca de dez empresas parceiras que completam a folha salarial do clube, o time conta com outro fator preponderante: identidade com a cidade. Até a segunda quinzena de abril, quase 300 torcedores haviam aderido ao programa de sócio-torcedor.

Outro fator que joga a favor do Grêmio Prudente no quarto degrau do Campeonato Paulista é a experiência da cúpula da equipe. Dos cerca de 80 funcionários que se mudaram de Barueri para Presidente Prudente em 2010 com a antiga equipe, três permaneceram na nova casa e deixaram o time que retornou para a Grande São Paulo.

Além do trio, o Grêmio Prudente conta ainda com o apoio do técnico Antônio Carlos Zago (natural da cidade e integrante da diretoria) e dos irmãos Adriano e Juliano Gerlim, vindos do Oeste Paulista - o primeiro, ex-meia do São Paulo e das categorias de base da Seleção Brasileira, enquanto o segundo, técnico campeão da Segunda Divisão do Paulista em 2007 com o time prudentino.

Um dos remanescentes do Grêmio Barueri em Presidente Prudente é Pedro Alcazar, diretor de futebol do clube. Ex-goleiro de futsal do Barueri, ele optou por ficar em Presidente Prudente após o retorno do ex-clube para a Grande São Paulo. E não se arrepende.

"Eu costumo dizer que aqui eu vivo, e lá eu sobrevivo", destaca, em tom elogioso à qualidade de vida da nova casa. Responsável por diversos acessos do Grêmio Barueri entre 2004 e 2007, o dirigente comemora a estrutura deixada em Presidente Prudente após a mudança da antiga equipe - que, se ficava devendo em relação aos rivais da Série A do Campeonato Brasileiro, mostra-se à frente do que o Barueri dispunha quando disputou a quarta divisão do Campeonato Paulista, em 2004.

"É muito diferente. Não tinha estrutura (em 2004). Tinha um galpão, dois campos bons. Os atletas tinham que fazer academia pela cidade, individualmente", conta Alcazar. "Hoje a gente tem uma Ferrari. Não é sala de Segunda Divisão", completa, mostrando a sala que ocupa no Centro de Treinamentos do time prudentino. O local conta ainda com academia, campo de dimensões oficiais, cancha de areia, piscina aquecida, vestiário e refeitório, dentre outras dependências dedicadas a massagistas e fisioterapeutas.

Com a experiência de quem ajudou o Barueri a subir para a Série A1 do Campeonato Paulista e à Série B do Campeonato Brasileiro, Alcazar comemora a "carta branca" que tem dos dirigentes para a formação do elenco. "Ninguém me pergunta quem eu estou contratando", disse o dirigente, que espera ter à disposição 28 atletas para a disputa da competição, que conhecerá seu campeão em 21 de outubro.

Enquanto o elenco incompleto treina e realiza amistosos sob o comando do técnico Jorge Saran, o mesmo que passou pelo Barueri em 2004 e que comandou as categorias de base do Corinthians, Alcazar negocia a chegada de jovens jogadores. Os nomes acima dos 23 anos - a Segunda Divisão permite até três por jogo - já foram contratados. Entre eles, estão o próprio meia Adriano Gerlim e o atacante Rafael Acae, ex-Corinthians e mais um natural de Presidente Prudente. Juliano Gerlim, ex-técnico do Oeste Paulista, é auxiliar de Saran.

"Hoje, o Adriano e o Juliano fazem parte do nosso trabalho. O Adriano é um craque, e o Juliano foi campeão da Segunda Divisão", elogia Alcazar, em meio a negociações até mesmo com atletas que atuam no exterior para buscar o acesso, mesmo sem o orçamento considerável do clube da Grande São Paulo - o teto salarial dos jogadores é de R$ 1,3 mil. "O ano de 2012 não é de dinheiro, é de consagrar o acesso. Ah, mas o Pedrinho (Alcazar) é confiante? Eu tenho que ser confiante com meus parceiros", completa.

A estreia do Grêmio Prudente na Segunda Divisão do Campeonato Paulista acontece neste sábado, fora de casa, contra o Tupã. Em seguida, o time, enfrenta o Tanabi (casa), o Araçatuba (fora), o Votuporanguense (fora) e o Fernandópolis (casa), encerrando o primeiro turno dentro do Grupo 1 da primeira fase. Dentre os rivais, destaque para o Araçatuba, que disputou a Série A1 na década de 90 e retorna às atividades profissionais, e ao Tanabi, que conta com o veterano Túlio Maravilha para o torneio.

Campeonato Paulista - Série A2
O Terra, maior empresa de Internet da América Latina, exibe ao vivo os jogos da Série A2 do Campeonato Paulista, uma das mais respeitadas e tradicionais competições do País. As partidas são narradas por Marcelo do Ó e comentadas por Ary Pereira Junior e Bruno Prado. Os internautas podem conferir tabelas, classificação e notícias do torneio, além de participar das transmissões por meio de comentários e mensagens via redes sociais.

Presidente Prudente está pronta para tentar ressurgir no cenário do futebol paulista
Presidente Prudente está pronta para tentar ressurgir no cenário do futebol paulista
Foto: Emanuel Colombari / Terra
Fonte: Terra
Publicidade