0

Criciúma fica no empate e perde chance de encostar no líder Avaí

9 fev 2017
22h41
  • separator
  • comentários

O Criciúma desperdiçou a chance de encostar no Avaí, que lidera o Campeonato Catarinense com folga. Nesta quinta-feira, o Tricolor empatou por 1 a 1 com o Inter de Lages, no Estádio Vidal Ramos Júnior, o Tio Vida, e ficou a cinco pontos do Leão, que segue invicto do torneio.

O Tigre saiu atrás no marcador, após gol marcado por Parrudo, mas conseguiu chegar ao empate com Diego Giaretta. O Criciúma ainda teve chances nos minutos finais, Jheimy acertou a trave aos 40 minutos e Caio Rangel perdeu gol incrível em seguida.

Com o resultado, o Criciúma chegou a sete pontos e assumiu a vice-liderança, ultrapassando a Chapecoense no saldo de gols. No próximo domingo, o Tigre terá pela frente o clássico contra o Figueirense, no Orlando Scarpelli. O Inter de Lages, por outro lado, caiu para a penúltima posição, com quatro pontos, e terá como próximo adversário o Tubarão.

O jogo - Mesmo jogando fora de casa, o Criciúma começou em ritmo intenso e assustou o Inter de Lages nos instantes iniciais. Na marca de oito minutos, Adalgiso Pitbull arrancou pelo meio, tabelou com Jheimy e ficou cara a cara com Neto Volpi, porém finalizou à direita da meta. Na sequência, Pimentinha invadiu a área pela direita e bateu firme para o gol. A bola explodiu na trave esquerda do goleiro.

A primeira chegada do Inter de Lages aconteceu aos 13 minutos, em jogada individual de Luizinho, mas Luiz defendeu sem dificuldades. O Criciúma voltou a assustar no lance seguinte, novamente com Pimentinha, que obrigou Neto Volpi a trabalhar.

A partida seguiu truncada e só voltou a ter lances de perigo no final do primeiro tempo. Aos 39, Jheimy lançou Pimentinha, que entrou na área, mas foi travado no momento do chute. A resposta dos donos da casa veio na sequência. Paulo Henrique tocou de calcanhar para Luizinho, que arriscou de fora e exigiu grande intervenção do arqueiro tricolor.

O Criciúma seguiu mais presente no campo de ataque no segundo tempo e chegou com perigo logo aos cinco minutos. Giaretta bateu de longe e obrigou Neto Volpi a fazer bela defesa. No entanto, foi o Inter de Lages quem saiu na frente. Aos 11, Luizinho cruzou da direita, Barreto e Raphael Silva falharam no corte e a bola sobrou limpa para Parrudo, que só teve o trabalho de tirar de Luiz e comemorar.

O gol sofrido mexeu com o Criciúma, que perdeu a concentração. O Inter da Lages aproveitou o momento instável do rival para segurar o resultado e ainda teve ótima chance para ampliar aos 24 minutos, mas Paulo Henrique desperdiçou ao tentar encobrir Luiz. O Tricolor reagiu e por pouco não empatou no lance seguinte. Hélio Paraíba recebeu cruzamento na medida de Marlon, mas cabeceou para fora.

O jogo ganhou em emoção nos minutos finais, com as duas equipes buscando o gol. Aos 35, Parrudo ficou com a bola na frente da área e bateu colocado, mas Luiz fez a defesa. Na sequência, o Criciúma chegou ao empate. Caíque Valdívia cobrou escanteio e Giaretta cabeceou no canto esquerdo para deixar tudo igual. Jheimy ainda acertou a trave após cruzamento de Marlon, mas a partida terminou empatada.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade