PUBLICIDADE

Copa Nordeste

Ceará vence Fortaleza em clássico e respira na Copa do Nordeste

Goleiro brilha em vitória do Ceará, que sobe para o G-4 de seu grupo e mantém o Fortaleza em segundo na outra chave

20 mar 2024 - 23h51
(atualizado às 23h58)
Compartilhar
Exibir comentários
FOTO: Mateus Lotif/Fortaleza EC - Legenda: No Castelão, Ceará conseguiu vitória crucial sobre o rival
FOTO: Mateus Lotif/Fortaleza EC - Legenda: No Castelão, Ceará conseguiu vitória crucial sobre o rival
Foto: Jogada10

Na noite desta quarta-feira (20), o Ceará venceu o Fortaleza no Clássico-Rei, por 1 a 0, pela sexta rodada da Copa do Nordeste. Com o resultado, o Vozão se manteve vivo na luta pela classificação ao mata-mata da competição, chegando ao G-4 do Grupo A, com nove pontos. Já o Leão, derrotado diante do rival, se mantém em segundo no Grupo B, com oito. Rai Ramos, no segundo tempo, fez o gol que definiu o marcador.

Primeiro tempo

O jogo começou quente e com as duas equipes buscando o ataque, mas a primeira chegada perigosa foi do Fortaleza, quando Kuscevic, após escanteio batido por Machuca, acertou a trave. Pouco depois, Zé Welison levantou e Yago Pikachu cabeceou para boa defesa de Richard. O Ceará, então, criou sua primeira oportunidade quando Aylon roubou bola de Bruno Pacheco e lançou Barceló, que chutou, mas João Ricardo saiu bem do gol e defendeu. A situação do Vozão se complicou um pouco mais por conta da perda de Aylon e Guilherme Castilho, lesionados, obrigando Vágner Mancini a mexer cedo. Mas o Leão também perdeu Tinga, outro machucado.

Arena MRV eleito estádio do ano: veja o top 5 de lista internacional Arena MRV eleito estádio do ano: veja o top 5 de lista internacional

Segundo tempo

Na segunda etapa, o jogo ficou mais duro, mas o Fortaleza seguiu sendo mais perigoso. E quase abriu o placar, em chute de Lucas Sasha que Richard defendeu. Mesmo assim, o Ceará não se intimidou e Raí Ramos deu o tiro de aviso, em um chute de longe que João Ricardo defendeu. No lance seguinte, Mugni cobrou escanteio e Raí, desta vez mais perto, bateu no canto e fez 1 a 0. A partir de então, brilhou a estrela de Richard: o goleiro do Ceará fez belas defesas, como em chutes de Lucero e Marinho, este último em cobrança de falta. Moisés ainda perdeu um gol feito, mas o Ceará desperdiçou a oportunidade de matar o jogo quando Saulo Mineiro, sozinho, chutou para defesa de João Ricardo.

FORTALEZA 0x1 CEARÁ

Local: Arena Castelão, em Fortaleza (CE)

Data e horário: 20/3/2024 às 21h30 (de Brasília)

Árbitro: Lenilton Rodrigues Júnior (CE)

Assistentes: Nailton Junior de Sousa Oliveira (CE) e José Moracy de Sousa e Silva (CE)

FORTALEZA: João Ricardo; Tinga (Dudu, 21'/2ºT), Kuscevic, Cardona e Bruno Pacheco; Kauan (Lucas Sasha, intervalo), Zé Welison (Pochettino, 32'/2ºT), Yago Pikachu (Marinho, 16'/2ºT) e Moisés; Machuca (Calebe, 15'/2ºT) e Lucero. Técnico: Juan Pablo Vojvoda.

CEARÁ: Richard; Raí Ramos, Matheus Felipe, Ramon e Matheus Bahia; Richardson, Lourenço (David Ricardo, 30'/2ºT) e Guilherme Castilho (Castillo, 35'/1ºT); Erick Pulga, Barceló (Saulo Mineiro, 30'/2ºT) e Aylon (Castro, 20'/1ºT, depois Janderson, 30'/2ºT). Técnico: Vágner Mancini.

Cartões amarelos: Zé Welison, Pochettino, Kuscevic (FOR); Guilherme Castilho, Matheus Bahia, Richardson (CEA)

Gol: Raí Ramos, 21'/2ºT (0-1)

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Jogada10
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade