3 eventos ao vivo

Comemorações por classificação do Chile para Copa acabam com 25 detidos

16 out 2013
11h11
atualizado às 16h53
  • separator
  • comentários

Os festejos dos chilenos pela classificação da seleção para a Copa do Mundo de 2014 deixaram 25 detidos em Santiago, locais comerciais saqueados e danos em semáforos e outros bens públicos, informaram nesta quarta-feira fontes policiais.

A seleção do Chile, dirigida pelo argentino Jorge Sampaoli, obteve vaga na Copa do Mundo após derrotar o Equador por 2 a 1 na noite de ontem e somar 28 pontos, terminando as Eliminatórias Sul-Americanas na terceira posição. O Equador, com 25 pontos, ficou no quarto lugar e também garantiu classificação.

Na capital chilena, cerca de 15 mil pessoas, segundo a polícia, estiveram na cêntrica Praça Itália, tradicional palco de manifestações de protestos e celebrações, para comemorar a classificação da seleção, que estará pela nona vez em um Mundial.

Os festejos se repetiram em todo o país e inclusive a televisão nacional mostrou sete homens em uma base antártica, usando somente a camisa da seleção, apesar do frio.

Em Santiago, a festa acabou em desordens, rixas entre os próprios torcedores, saques ou tentativas de saques de alguns locais comerciais e em destruição de semáforos, disse a polícia, que deteve 25 pessoas, quatro delas surpreendidas enquanto esvaziavam a prateleiras de uma farmácia.

Todos os detidos serão colocados à disposição dos tribunais de justiça durante esta quarta-feira, disseram as autoridades policiais.

EFE   

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade