1 evento ao vivo

Com gol de Van Persie, United derrota Arsenal no Old Trafford

3 nov 2012
12h49

No primeiro reencontro com o Arsenal, Van Persie mostrou ao Manchester United que segue com seu faro de gol. Agora com a camisa do Manchester United, o jogador precisou de poucos minutos para ajudar os Red Devils a derrotarem o clube por 2 a 1, neste sábado, no Old Trafford. Evra completou a vitória, que não escapou nem com o gol de Cazorla nos acréscimos do segundo tempo.

A equipe de Sir Alex Ferguson subiu para 24 pontos, e agora 'seca' Chelsea e Manchester City, que jogam ainda neste sábado, para assumir a ponta da competição. Já o time londrino estaciona nos 15 pontos, e se mantém em 15 pontos.

GOL DE VAN PERSIE E PÊNALTI PERDIDO POR ROONEY NA ETAPA INICIAL

O Manchester United precisou de apenas três minutos para transformar seu domínio em gol. Rafael fez o cruzamento, Vermaelen rebateu pessimamente e entregou a bola aos pés de Van Persie. De bate-pronto, o holandês finalizou rasteiro, sem chances para Mannone. Agora com a camisa 20 dos Red Devils, o atacante não comemorou o gol marcado contra o seu ex-clube.

O time da casa ainda teve nova chance dos pés do próprio Van Persie. Aos 21 minutos, o atacante recebeu passe de Rooney e chutou de direita, obrigando Mannone a espalmar. Jogando em ritmo de treino, o camisa 10 ainda teve duas oportunidades.

A primeira, em chute cruzado que Mannone espalmou. E a segunda, aos 45 minutos, quando Cazorla cortou cruzamento de Young com o braço. Na cobrança, Rooney mandou a bola para fora, mas à esquerda do gol.

EVRA COMPLETA VITÓRIA, E ARSENAL DIMINUI NO FIM

Vermaelen começou a segunda etapa dando susto à torcida dos Gunners. O jogador permitiu que Cleverley ganhasse a dividida e servisse Valencia na área. Sozinho, o camisa 7 desperdiçou grande oportunidade do segundo gol. O United passou a cadenciar a partida e permitiu que o Arsenal crescesse seu domínio. Mas, sem poder de fogo, a equipe se resumiu a uma chance em cobrança de falta de Wilshere que passou por Vermaelen.

Só que a melhora do time de Arsène Wenger era um engano. Logo o time da casa voltou a assustar em chute de Van Persie à queima roupa, que Mannone espalmou com a ponta dos dedos, aos 20 minutos. E, no minuto seguinte, os Red Devils não perdoaram.

Após cobrança curta de escanteio, Rooney se redimiu do pênalti perdido ao cruzar na medida para Evra dar uma cabeçada perfeita, aos 21 minutos. Era o segundo e definitivo gol da vitória do Manchester United no Old Trafford. Anderson ainda isolaria nova chance, e o brasileiro e Van Persie teriam gols anulados por impedimento, mas depois os Red Devils recuariam novamente.

Os Gunners partiram para o 'abafa' na reta final e chegaram ao seu gol de honra nos acréscimos. Girroud fez o cruzamento e a bola parou nos pés de Cazorla. O jogador ajeitou e mandou a bomba à esquerda, sem chance para De Gea, aos 49. Mas já era tarde para impedir a vitória do United.

Fonte: AP AP - The Associated Press. Todos os direitos reservados. Este material não pode ser copiado, transmitido, reformado o redistribuido.
publicidade