0
Logo do Brasileiro Série D
Foto: terra

Brasileiro Série D

Volta Redonda segura empate com o CSA e decide título da Série D em casa

25 set 2016
21h02
  • separator
  • comentários

Deu empate no primeiro jogo da grande final do Campeonato Brasileiro Série D. Em partida realizada no Estádio Rei Pelé neste domingo, o Volta Redonda conseguiu segurar o CSA e garantiu um empate pelo placar de 0 a 0. O resultado é muito melhor para os cariocas, que poderão jogar por uma vitória simples em casa para levar o título da competição.

O jogo teve um início com o Volta Redonda priorizando neutralizar as ações ofensivas do CSA. Com isso, as poucas grandes chances foram dos alagoanos, que chegaram a carimbar a trave dos cariocas aos 32 minutos, em finalização de Jônatas Obina. Já na segunda etapa, o duelo se apresentou mais aberto, com grandes oportunidades tanto do Azulão, quanto do Voltaço. No entanto, nenhuma das duas equipes teve força para balanças as redes.

A partida decisiva da grande final entre CSA e Volta Redonda está marcada para o próximo sábado, às 21 horas, no Estádio Raulino de Oliveira.

O jogo - A partida não apresentou muitas surpresas no primeiro tempo. Jogando longe de seus domínios e buscando um bom resultado para definir o título em casa, o Volta Redonda iniciou o jogo com uma postura defensiva e conseguindo neutralizar as ações ofensivas do CSA.

Com isso, os alagoanos só conseguiram levar grande susto aos cariocas aos 24 minutos. Marcos Antônio mandou uma bomba de fora da área e obrigou o goleiro Mota a espalmar para salvar o Voltaço.

A melhor chance do primeiro tempo, no entanto, veio aos 32. Jônatas Obina recebeu a bola livre, tocou na saída de Mota e carimbou o travessão do Volta Redonda. Didira ficou com o rebote, mas perdeu uma grande chance para o Azulão.

Sem outros lances de grande perigo, o duelo foi para o intervalo em 0 a 0.

No segundo tempo, o duelo voltou bem mais movimentado. Aos seis minutos, Didira pegou sobra de bola dentro da pequena área, mas finalizou para defesa de Mota.

Já aos 11, foi a vez do Volta Redonda chegar com perigo. Dija Baiano soltou uma bomba de fora da área e obrigou Pantera a fazer uma grande defesa.

O Voltaço seguiu com presença no ataque e levou perigo novamente aos 14. Dija Baiano invadiu a área e bateu cruzado. Rafael Pernão tentou se jogar para completar, mas não alcançou a bola.

Após duas boas oportunidades do Volta Redonda, o CSA respondeu e quase balançou as redes. Aos 20 minutos, Panda recebeu cara a cara com o goleiro Mota, mas desperdiçou uma chance de ouro.

O CSA ainda teve uma última chance, em finalização de Panda de longa distância, mas a bola foi para fora. Com isso, o duelo se encerrou com um empate sem gols.

FICHA TÉCNICA:

CSA-AL 0X0 VOLTA REDONDA-RJ

Local: Estádio Rei Pelé, em Maceió (AL)

Data: 25 de setembro de 2016, domingo

Horário: 19h00 (de Brasília)

Árbitro: Jaílson Macedo Freitas (BA)

Assistentes: Jucimar dos Santos Dias (BA) e Carlos Vidal Pereira (BA)

Cartões Amarelos: Kattê e Jônatas Obina (CSA); Gilberto (Volta Redonda)

Cartões Vermelhos: Nenhum

GOLS: Nenhum

CSA: Pantera; Kelvin, Leandro Souza, Leandro Cardoso e Rayro(Rafinha); Marcos Antônio, Panda, Kattê(Marcelo Nicácio), Didira e Bismarck(Azul); Jônatas Obina

Técnico: Oliveira Canindé

VOLTA REDONDA: Mota; Osmar, Daniel, Gilberto e Cristiano; Marco Junior(Michel Cury), João Cleriston(Douglas Pedroso), Marcelo, Dija Baiano(Ayrton) e Rafael Pernão; David Batista

Técnico: Felipe Surian

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade