PUBLICIDADE

Fluminense vence Goiás e entra no G-6

31 jan 2021 22h32
| atualizado às 22h32
ver comentários
Publicidade

O Fluminense não deu espaço para surpresa e derrotou por 3 a 0 o Goiás, neste domingo, no Nilton Santos. Com o resultado, os cariocas chegaram a 53 pontos e assumiram a quinta posição do Campeonato Brasileiro. Já os goianos, com 29, seguem afundados na zona de rebaixamento.

O Fluminense foi avassalador no primeiro tempo. Os tricolores abriram 3 a 0 com dois gols de Martinelli e um de Nino. Os donos da casa tiveram chance de sair para o intervalo com um placar ainda mais elástico por conta das chances perdidas.

Na próxima rodada, o Fluminense viaja para enfrentar o Bahia, na quarta-feira. No mesmo dia, o Goiás recebe o Atlético-MG.

O jogo - O duelo começou movimentado no Nilton Santos. O Goiás aproveitou os espaços dados pelo Fluminense para assustar no início com Shaylon e Fernandão. Só que os donos da casa responderam com Fred, que parou em grande defesa de Tadeu.

O Fluminense abriu o placar aos 16 minutos. Após cobrança de escanteio, Nino subiu sozinho e cabeceou para a rede.

O revés foi sentido pelo Goiás. Os visitantes passaram a sofrer com os avanços do Fluminense. De tanto insistir, os cariocas chegaram ao segundo gol, aos 25 minutos. Martinelli pegou rebote de escanteio e acertou chute forte de longe. A bola bateu na trave, nas costas de Tadeu e foi para a rede.

O Goiás tentou reagir após o segundo gol. Fernandão assustou em chute na área. O Fluminense respondeu em falta cobrada por Nenê que acertou o travessão.

Com espaço, os tricolores chegavam com facilidade na área. Primeiro, Fred foi lançado na área e chutou cruzado para boa defesa de Tadeu. Só que aos 36 minutos, o Fluminense marcou o terceiro. Martinelli recebeu passe na área e chutou para o gol. A bola desviou na zaga e enganou o goleiro goiano.

Nos minutos finais, o Fluminense teve chance incrível de fazer o quarto. Tadeu foi para o ataque cobrar falta, mas mandou na barreira. Os cariocas encaixaram o avanço e Nenê arriscou de antes do meio do campo. A bola quicou na pequena área e passou sobre o travessão. Mesmo assim, os donos da casa foram para o intervalo com grande vantagem no marcador no Nilton Santos.

No segundo tempo, os cariocas mantiveram o ritmo acelerado, mas viram o Goiás melhorar a marcação. Os visitantes tentavam avançar, mas sem qualquer qualidade.

O panorama da partida seguia o mesmo. Com o passar do tempo, o Fluminense passou a administrar o resultado. Mesmo assim, os tricolores quase ampliaram aos 36 minutos, em chute de Caio Paulista.

Nos minutos finais, o Goiás ainda buscou marcar o de honra, mas parou na boa defesa do Fluminense. Assim, os cariocas confirmaram a boa vitória no Nilton Santos.

FICHA TÉCNICA:

FLUMINENSE 3 X 0 GOIÁS

Local: estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro (RJ)

Data: 31 de janeiro de 2021, domingo

Hora: 20h30 (de Brasília)

Árbitro: Raphael Claus (SP)

Assistentes: Danilo Ricardo Simon Manis (SP) e Daniel Paulo Ziolli (SP)

VAR: Marcio Henrique de Gois (SP)

Cartões amarelos: Egídio (Fluminense); Vinícius e Heron (Goiás)

GOLS

FLUMINENSE: Nino, aos 16min do primeiro tempo; Martinelli, aos 25 e 36min do primeiro tempo

FLUMINENSE: Marcos Felipe, Calegari (Igor Julião), Nino, Luccas Claro e Egídio; Martinelli (André), Hudson e Nenê; Luiz Henrique (Caio Paulista), Lucca (Fernando Pacheco) e Fred (Samuel)

Técnico: Marcão

GOIÁS: Tadeu, Taylon (Índio), David Duarte (Iago Mendonça), Fábio Sanches e Heron; Ariel Cabral (Daniel), Henrique e Shaylon; Rafael Moura, Vinícius (Douglas Baggio) e Fernandão (Miguel)

Técnico: Glauber Ramos

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade