PUBLICIDADE

Alexandre Pato, negacionista ou apenas sem noção?

Atacante chamou vacina contra covid-19 de experimental ao defender Djovokic; depois, voltou atrás

18 jan 2022 17h24
| atualizado às 17h40
ver comentários
Publicidade

A lista dos que combatem as vacinas que tentam minimizar os efeitos da pandemia da covid-19 tem mais um nome de peso: o jogador Alexandre Pato, ex-Seleção brasileira e hoje em fim de carreira no Orlando City. Em seu perfil no Instagram, ele manifestou apoio ao tenista Novak Djokovic, impedido de participar de torneio na Austrália por ter ignorado o antídoto mais eficiente até agora contra o coronavírus, e chamou a vacina contra a covid de “picada experimental”.

Alexandre Pato se envolveu em polêmica sobre vacina contra covid
Alexandre Pato se envolveu em polêmica sobre vacina contra covid
Foto: Reprodução

Depois, usou expressões de cunho xenófobo ao se referir à “peste chinesa” e ao “vírus chinês”. Suas declarações tiveram reação instantânea. Logo, passou a ser confrontado por uma infinidade de internautas que defendem a ciência e viram na publicação de Pato uma clara demonstração de negacionismo.

Para evitar que a repercussão ruim virasse bola de neve, Alexandre Pato mudou o discurso horas depois e defendeu a importância da vacina. “Quero deixar claro a importância de todos os seres humanos se vacinarem. Eu tomei as minhas doses no exato momento em que fui liberado para tal e acho importante que todos tenham essa consciência de se proteger e proteger quem está ao seu lado.”

O estafe do jogador disse que não partira de Pato as declarações polêmicas, sem dar detalhes de quem seria o autor do texto que expôs o jogador a uma série de críticas.

Papo de Arena Todo o conteúdo (textos, ilustrações, áudios, fotos, gráficos, arquivos etc.) deste blog é de responsabilidade do blogueiro que o assina. A responsabilidade por todos os conteúdos aqui publicados, bem como pela obtenção de todas as autorizações e licenças necessárias, é exclusiva do blogueiro. 
Publicidade
Publicidade