PUBLICIDADE
Logo do

Fluminense

Meu time

Fluminense mantém diálogo para concessão do Maracanã e obras no Centro de Treinamento​

Mário Bittencourt teve reuniões com governador e prefeito do Rio de Janeiro. O mandatário também conversou sobre projeto executivo de restauração do estádio das Laranjeiras

23 out 2021 18h11
| atualizado às 18h12
ver comentários
Publicidade

Desde o começo do ano, o Fluminense tem se organizado em duas frentes importantes: a concessão do Maracanã e obras no CT Carlos Castilho. A direção do clube tem mantido tratativas com autoridades, apoiadores e os outros clubes, com os quais mantém diálogo permanente. O presidente Mário Bittencourt se reuniu tanto com o prefeito Eduardo Paes, quanto com o governador Cláudio Castro neste mês.

Mário Bittencourt, presidente do Flu, teve reuniões com governador e prefeito do Rio de Janeiro (Comunicação/FFC)
Mário Bittencourt, presidente do Flu, teve reuniões com governador e prefeito do Rio de Janeiro (Comunicação/FFC)
Foto: Lance!

Com isso, o presidente Mário Bittencourt se encontrou com o prefeito Eduardo Paes, nesta sexta-feira, e pediu apoio na urbanização da Rua Oscar Cox, de acesso ao CT Carlos Castilho. O intuito da obra vai além do asfaltamento, mas também pretende melhorar a infraestrutura, como redes de saneamento e eletricidade, iluminação pública, além de outros elementos.

A obra é um requisito para que o CT possa contar com acesso à rede de energia sem depender de geradores. Além disso, para que tenha esgotamento sanitário adequado e possa ter em sua estrutura elementos fundamentais como uma cozinha para servir aos atletas e o início da etapa de construção dos quartos e alojamentos, além de outras obras.

Com isso, o prefeito Eduardo Paes já sinalizou apoio e convocou uma equipe para tratar da urbanização da rua. Mário Bittencourt esteve acompanhado do vice-presidente de relações institucionais, Mattheus Montenegro; do vice-presidente de ações sociais e governamentais, Edmundo Coelho; do ex-deputado federal e ex-jogador do Fluminense, Deley; e do diretor de comunicação e marketing, Ronaldo França.

Diálogos pela concessão do Maracanã

Outro ponto importante para o futuro do Fluminense é a a manutenção da presença no Maracanã. A diretoria tricolor já esteve presente em mais de vinte reuniões executivas com a equipe do Governo do Estado, escritórios de advocacia, empresas especializadas em concessões. O presidente do clube também teve um encontro com o governador Cláudio Castro, no último dia 14 de outubro, no Palácio Guanabara.

O governador em exercício esteve acompanhado do secretário da Casa Civil, Nicola Miccione, e sua equipe. Do lado do Tricolor, participaram da reunião, além do presidente, Mattheus Montenegro e Ronaldo França. Castro disse que o estádio deve ser gerido pelos clubes. Neste sentido, o governador ressaltou a importância de que o Maracanã tenha no mínimo 70 eventos para a viabilidade econômica do maior palco esportivo do futebol carioca.

Por fim, vale ressaltar que as diretorias de Flamengo e Fluminense têm se reunido para discutir o tema. Os presidentes Mário Bittencourt, do Tricolor, e Rodolfo Landim, do Rubro-Negro, se reuniram antes das conversas com o governador para debater sobre o edital.

Na reunião com o governador, Mário Bittencourt também conversou sobre aprovação do incentivo para financiamento pela companhia de telefonia TIM ao projeto executivo de restauração do estádio das Laranjeiras. Castro disse que pretende apoiar o Fluminense nesta questão para que suas instalações, gestão e processos estejam sempre à altura de sua grandeza.

Lance!
Publicidade
Publicidade