PUBLICIDADE
Logo do Fluminense

Fluminense

Favoritar Time

Assim como outras vezes, Fluminense busca virada sobre LDU para faturar a Recopa

Em desvantagem no placar, Fluminense enfrenta a LDU, às 21h30, no Maracanã, pelo jogo de volta da Recopa Sul-Americana

29 fev 2024 - 06h03
(atualizado às 11h18)
Compartilhar
Exibir comentários
Fluminense encara a LDU no Maracanã
Fluminense encara a LDU no Maracanã
Foto: Franklin Jacome/Getty Images / Esporte News Mundo

Novamente, o Fluminense está atrás do placar contra a LDU em comparação às finais da Conmebol Libertadores em 2008 e Sul-Americana, em 2009. O primeiro jogo, em Quito, a equipe equatoriana venceu por 1 a 0, na reta final de jogo. Agora, nesta quinta-feira, os times se reencontram, às 21h30, no Maracanã. O Tricolor precisa vencer a partida por dois ou mais gols de diferença para levar o título. Vitória por apenas um gol de diferença leva a partida para a prorrogação e, se necessário, para os pênaltis. Empate ou vitória da LDU dá o título aos equatorianos.

>> Fluminense x LDU: escalações, retrospecto, arbitragem, onde assistir e palpites 

Apesar da derrota no primeiro jogo, a situação é completamente reversível e bem diferente das outas finais, porém o clube também tem que virar para sair com o título. Em 2008, quando foi derrotado na final da Conmebol Libertadores, e em 2009, quando perdeu a Sul-Americana, o Fluminense chegou ao Maracanã após tomar goleadas na altitude. Na primeira decisão entre os clubes o Flu foi derrotado em Quito por 4 a 2. Na segunda, o Flu perdeu por 5 a 1. Desta vez, com a derrota por 1 a 0 no Equador, o Fluminense terá uma diferença menor para buscar no placar o título.

Em ambas situações, o Fluminense conseguiu fazer três gols no Maracanã, que contará com apoio tricolor nesta quinta-feira. Porém, o ataque do Flu não tem funcionado recentemente. Nos últimos três jogos, o time passou em branco contra Vasco, LDU e Flamengo. O técnico Fernando Diniz conta com retorno de John Kennedy, que ficou fora por conta da expulsão na decisão da Libertadores. Em coletiva, o artilheiro da equipe nas últimas temporadas, Germán Cano, ressaltou que a história entre os clubes não pesa para os jogadores.

- Não carregamos o peso (do passado), carregamos uma responsabilidade muito grande de buscar uma taça que o Fluminense não tem. A temporada já começou e, pouco a pouco, vamos fazer o que o Fernando pede. Sabemos que teremos a nossa torcida no Maracanã. Vamos jogar na nossa casa, com a nossa torcida. Vamos tentar fazer o nosso melhor. Não temos o peso de nada, só o compromisso de ganhar o jogo.

Além do placar ser totalmente reversível, o time comandado por Fernando Diniz entra no confronto ainda mais favorito em comparação aos outras partidas também por ser campeão da Libertadores. Mas também a postura da equipe muda em situações adversas. Uma partida memorável é contra o Internacional. No primeiro jogo da semifinal, o Flu teve Samuel Xavier expulso no primeiro tempo e buscou um gol heroico garantir o empate. No jogo da volta, após estar perdendo por 1 a 0, virou a partida em seis minutos na reta final e ficou com a vaga na final.

Para saber tudo sobre o Fluminense, siga o Esporte News Mundo no Twitter, Facebook e Instagram.

Por fim, o Flu encontrará pela primeira vez na temporada o Maracanã totalmente tomado de torcedores tricolores. A torcida foi o "12° jogador" ao longo de 2023, vai fazer a diferença nesta quinta-feira e pode ver o primeiro título já em 2024.

Esporte News Mundo
Compartilhar
Publicidade
Publicidade