0
Logo do Seleção Americana
Foto: terra

Seleção Americana

EUA, Panamá e Honduras lutam por última vaga direta da Concacaf

9 out 2017
20h02
atualizado às 20h02
  • separator
  • 0
  • comentários

A última rodada das Eliminatórias da Concacaf para a Copa do Mundo de 2018 acontece nesta terça-feira, com três jogos, todos às 21 horas (de Brasília). México e Costa Rica já se classificaram, enquanto a última vaga direta ficará entre Estados Unidos, Panamá e Honduras.

Na terceira colocação com 12 pontos, os Estados Unidos dependem de um simples empate jogando fora de casa, diante de Trinidad e Tobago, no Estádio Ato Boldon, em Couva. Perdendo, os Ianques passam a depender de derrotas de Panamá e Honduras, que somam dez pontos.

O comandante dos Estados Unidos, Bruce Arena, que na reta final das Eliminatórias substituiu ao alemão Jurgen Klinsmann, demitido por conta dos maus resultados, exaltou a importância da vantagem do país, que depende das próprias forças para se garantir na próxima Copa do Mundo.

"Vai ser uma rodada realmente empolgante, pois ninguém pode pensar na possibilidade de vacilar e vale muita coisa para três envolvidos, porém, apenas um vai se classificar. Dependemos dos nosso próprio resultado e essa vantagem não pode ser menosprezada. Sei que Trinidad e Tobago joga em casa e vai querer se despedir de forma digna da competição, mas temos que nos impor", disse o treinador.

Os panamenhos levam vantagem sobre Honduras nos critérios de desempate, mas precisam vencer a Costa Rica no Estádio Rommel Fernández, na Cidade do Panamá, para se garantirem pelo menos na repescagem. Honduras também pode pegar a repescagem se obtiver um resultado melhor do que o Panamá. Os hondurenhos, diante de seus torcedores, no Estádio Olímpico, em San Pedro Sula, recebem o México, que tem 21 pontos e já assegurou a primeira posição.

Pelo regulamento da Concacaf, neste hexagonal final as equipes se enfrentaram em turno e returno. Os três primeiros colocados garantem vaga no Mundial, enquanto quem ficar na quarta posição vai ganhar uma oportunidade extra duelando contra o representante asiático, que será Austrália ou Síria, na repescagem.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade